Cress - Crônicas Lunares, 03 - Marissa Meyer

28 de maio de 2020

Título: Cress - Crônicas Lunares, 03
Autor: Marissa Meyer
Páginas: 496
Ano: 2015
Editora: Rocco Jovens Leitores
Gênero: Distopia, Ficção científica, Jovem adulto, Literatura Estrangeira, Romance
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota:  
Sinopse: Neste terceiro livro da série Crônicas Lunares, Cinder e o capitão Thorne estão foragidos e agora levam Scarlet e Lobo a reboque. Juntos, eles planejam derrubar a rainha Levana e seu exército. Cress talvez possa ajudá-los. A garota vive aprisionada em um satélite desde a infância, com a companhia apenas de telas, o que fez dela uma excelente hacker. Coincidência ou não, infelizmente ela também acabou de receber ordens de Levana para rastrear Cinder e seu bonito cúmplice. Quando um ousado plano de resgatar Cress dá errado, o grupo se separa. Cress enfim conquista a liberdade, mas o preço a se pagar é alto. Enquanto isso, Levana não vai deixar que nada impeça seu casamento com o imperador Kai. Cress, Scarlet e Cinder talvez não tenham a intenção de salvar o mundo, mas muito possivelmente são a última esperança do planeta.


Resenha: Pois terminei o terceiro livro e...ufa!!!! que livro!

Deixa eu colocar aqui os links dos anteriores antes de falar de Cress! Para ler a s resenhas, basta clicar nas imagens abaixo:



Então, vamos voltar ao livro!

Gente...essa autora é muito boa! Sério! Nada é o que eu pensava e mesmo tendo lido os dois livros anteriores, me surpreendi como a narrativa foi conduzida!

“...Sempre voltava ao amor. Mais do que liberdade, mais do que aceitação… Amor. Amor verdadeiro, como cantavam na segunda era. Do tipo que enchia a alma. O tipo que permitia gestos dramáticos e sacrifícios. O tipo irresistível e envolvente.”

Aqui conhecemos Cress, uma menina, como as outras dos livros anteriores, saídas de livros de contos de fadas e inseridas numa distopia futurística!


É impressionante a imaginação da autora e a atenção aos detalhes, por exemplo, Cinder era a releitura da Cinderela e lá tinham elementos como o príncipe ou o sapatinho de cristal (No caso, um pé de ciborgue), em Scarlet, que foi a releitura de Chapeuzinho Vermelho tínhamos o Lobo,  a avó e até um casaco com capuz vermelho, reparem que são elementos das histórias originais modificados de forma que possam ser inseridos na história sem que se perca o contexto... Agora temos Cress, que é a releitura da Rapunzel....

"Porque, se havia uma coisa que Cress sabia sobre heróis, era que eles não resistiam a uma donzela em perigo. E ela era a própria definição de donzela em perigo."

Como na história original, temos uma menina presa, só que não numa torre e sim num satélite (lembrem que é uma distopia futurística) ela tem um cabelo enorme e um herói que vai salvá-la, no caso Thorne, o cara que ajudou Cinder a fugir lá no primeiro livro.

Thorne é um cara meio grosso, meio ladrão, meio "fora da lei" encantador. Me que lembra o Han Solo de Star Wars....

Desde sua fuga com Cinder, ele ficou com ela, no segundo livro, juntos, os dois (e Iko, a andróide) foram em busca da avó de Scarlet, quando chegaram era tarde, mas resgataram a garota e o Lobo. Juntos, os quatro, e a Iko, sem querer começaram a montar um grupo que irá tentar derrubar Levana.

"Talvez não exista destino. Talvez sejam só as oportunidades que recebemos e o que fazemos com elas."

E então chegamos ao terceiro livro, onde os quatro, agora amigos, tentarão resgatar Cress do satélite para depois acabar com o casamento de Kai e Levana!



Acontece que dá tudo errado e eles acabam se separando, por um tempo, deixando Thorne e Cress sozinhos para tentar salvar suas vidas e no tempo que lhes resta, descobrir que se amam...já que não sei se você percebeu, o "felizes para sempre" acho que virá para eles (todos) só no último livro!

"Ela tremeu. Estava tão perto dele, depois de estar a uma galáxia de distância."

Esse foi o livro que eu mais gostei até agora, apesar de não ter gostado do final de alguns personagens. O que me deixa feliz é saber que esses finais não são definitivos e pelo que vejo, muita coisa vai acontecer em Winter, espero conseguir ler logo, já que eu estou com ele, mas livros de parceria se infiltraram aqui e preciso ler os coitados também!

"Não estamos no meio de uma guerra, estamos no comecinho. E eu vou acabar com ela."

11 comentários

  1. ingriD Figueiredo28/05/2020 01:05

    Crônicas Lunares é minha série preferida oficialmente depois deste livro (li os outros dois nos últimos dias e são igualmente bons). Marissa Meyer, aplausos. Isso sim é saber escrever. Prova de que dá para criar com qualidade em qualquer gênero, e para qualquer idade. Esses não são só mais uma série de livros para adolescentes. Essas personagens, inspiradas nas histórias com as quais crescemos, não são rasas. Elas saltam das páginas e ficam para sempre na memória.

    ResponderExcluir
  2. Mesmo não tendo lido os livros anteriores, li as resenhas de ambos e não vejo a hora de iniciar essa série.
    Além de amar releituras, adorei isso do trazer esse universo futurístico em tudo, mas mantendo os detalhes originais ali,tão expostos e para sim, ser lembrados.
    Percebi que neste terceiro livro,há mais ação ainda e o ritmo é bem mais frenético.
    Com certeza, vou ficar ansiosa esperando pela próxima resenha e sim, ler também os livros anteriores.
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
  3. Olá Denise!
    Esse terceiro volume é TUDO, meu preferido da série sem sombra de dúvidas. Cress é hilária com sua imaginação fértil, arrancando risos do começo ao fim por inventar realidades hipotéticas de si mesma.
    E aqui quem também ganha destaque é a Iko, que se mostra um exemplo de amiga fiel, mesmo não sendo humana.
    Tudo está convergindo para um final de proporções épicas e já começa a bater uma saudade dessas protagonistas tão corajosas e destemidas, né?
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Olá! Ahhh, depois de acompanhar as resenhas em relação a essa série por aqui, não deu mais para resistir e enfim, eu comecei a leitura, estou terminando o segundo e adorando, não vejo a hora de chegar ao último, porque sim percebi que o tal esperado “final feliz” só vai vir lá, mas estou amando a história e essa releitura tão diferente.

    ResponderExcluir
  5. Olá Denise!
    Eu gosto muito dos dois primeiros, e estou ansiosa para ler esse! Agora, com a resenha, fiquei ainda mais! Acho a escrita da Marissa muito gostosa de ler, e ela trabalha tão bem os personagens que tem hora que a gente até esquece que é uma espécie de reconto hahahaha

    :)

    ResponderExcluir
  6. Olá Denise!
    Eu adoro a Cress, ela tem umas ideais malucas, mas sua evolução durante a trama é lindo de ver (de todas as protagonistas na verdade). Larissa Mayer é genial, essa série é umas das melhores releituras de contos de fadas que eu já li (e olha que foram muitas rs). Você definiu perfeitamente o Torne, realmente lembra muito o Han Solo. Winter é maravilhoso também, você vai adorar!
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Denise!
    Gosto muito das releituras de contos de fadas e aqui parece que foi uma fantasia futurística muito bem escrita.
    Amei essa capa com um cabelão enorme e gostaria de saber como tudo ficou resolvido, mesmo depois que deu errado, se conseguiram salvá-la ou não...
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  8. preciso ler os coitados aqui ... rindo aqui com essa citaçao rsrs .não tenho nenhum desses coitados para ler rsrs .confesso que estou um pouco confusa ni que se refere o genero desses livros .já vi resenha do primeiro mas não ficou bem claro do que se trata essas cronicas lunares
    a autora está recebendo muitos elogios por esse serie

    ResponderExcluir
  9. Não gosto muito de distopia ou histórias com universo futurístico, mas achei a proposta dessa série bem interessante.
    Gostei que a autora pegou elementos das histórias clássicas e transformou em algo mais futurístico, nunca tinha visto algo parecido, por isso gostei bastante do enredo.

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Não sou muito acostumada com histórias de distopia futurística, mas gostei tanto da premissa dessa série que eu me renderia a leitura, mesmo achando maior loucura a personagem estar presa em um satélite! kkk

    ResponderExcluir
  11. Tenho muita vontade de ler essa série, pena que tenho que terminar as que iniciei, antes que eu me embole com as histórias. Mas assim que possível vou começar.

    ResponderExcluir