Corte de Névoa e Fúria - Corte de Espinhos e Rosas, livro 2 - Sarah J. Maas

4 de março de 2022

Título:
Corte de Névoa e Fúria - Corte de Espinhos e Rosas, 2
Autor: Sarah J. Maas
Páginas: 658
Ano: 2016
Editora: Galera Record
Gênero: Fantasia, Ficção, Romance, Jovem adulto
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota:   .
Sinopse: O aguardado segundo volume da saga iniciada em Corte de espinhos e rosas, da mesma autora da série Trono de vidro Nessa continuação, a jovem humana que morreu nas garras de Amarantha, Feyre, assume seu lugar como Quebradora da Maldição e dona dos poderes de sete Grão-Feéricos. Seu coração, no entanto, permanece humano. Incapaz de esquecer o que sofreu para libertar o povo de Tamlin e o pacto firmado com Rhys, senhor da Corte Noturna. Mas, mesmo assim, ela se esforça para reconstruir o lar que criou na Corte Primaveril. Então por que é ao lado de Rhys que se sente mais plena? Peça-chave num jogo que desconhece, Feyre deve aprender rapidamente do que é capaz. Pois um antigo mal, muito pior que Amarantha, se agita no horizonte e ameaça o mundo de humanos e feéricos



Resenha: Mas gente, segundo livro de uma releitura que eu amo. Tem livros que ao fazer uma releitura, desanimamos ou deixamos de gostar tanto. Bom, não é o caso desta série!

Aliás, já resenhei o primeiro livro, caso queira ler, já sabe o que fazer:


Então, já vou avisando agora para que ninguém pense que eu sou louca. Em breve, vou reler! Esta série e Trono de Vidro, aliás, apesar de já ter Leitura Coletiva aqui, vamos fazer uma LC das nossas releituras, eu e Vivian. Sim...gostamos pra caramba da Sarah!

Mas bom, deixa eu falar das coisas por aqui! este não é meu favorito da série, o favorito é o próximo, mas o segundo chega perto viu...

Corte de Névoa e Fúria continua bem de onde Corte de Espinhos terminou e preciso dizer que se você não leu o primeiro livro da série, cuidado pois apesar de tentar não falar demais, essa resenha por conter possíveis spoilers. 

"— Somos antigos e espertos, e gostamos de usar palavras como lâminas e garras. Cada palavra de sua boca e cada frase formulada serão julgadas, e possivelmente usadas contra você. — Como se para suavizar o aviso, Ianthe acrescentou: — Mantenha a guarda, Senhora. 
Senhora. Um nome insano. Ninguém sabia como me chamar. Eu não nasci Grã-Feérica. 
Tinha sido Feita..."

Após renascer graças aos poderes dos 7 Grãos Senhores das diferentes Cortes, Feyre adquire poderes e se torna Grã Feérica, mas a escuridão e o sofrimento que passou nas mãos de Amarantha em Sob a Montanha, deixaram marcas profundas na menina, não somente nela , mas em Tamlin também. Apesar de na minha opinião os traumas dele serem bem forçados.

"Amor; amor era um bálsamo, tanto quanto um veneno."

Agora, Feyre terá que enfrentar seus temores, se reinventar para tentar viver como feérica e conviver com os horrores que viu e viveu em Sob a Montanha.

"Eu às vezes debatia se deveria pedir que Ianthe também rezasse por mim. 
Que rezasse para que um dia eu aprendesse a amar os vestidos, e as festas, e meu papel como uma noivinha linda e corada."


Ela está de casamento marcado com Tamlin, e embora ainda estejam juntos, algo se perdeu no caminho, e o relacionamento deles já não é mais o mesmo. Ela já não consegue pintar ou sorrir como antes como se uma parte de seu coração tivesse morrido por ter cumprido as tarefas que Amarantha a obrigou a fazer...

E para piorar tudo, Feyre ainda tem que cumprir sua promessa mensal de ir para a Corte Noturna e servir a Rhys, o temível Grão Senhor dessa corte misteriosa e sombria, e o principal inimigo de Tamlin.

"E quando Amarantha me destruiu, quando ela partiu meus ossos e fez meu sangue ferver nas veias, ele apenas se ajoelhou e implorou a ela. Não tentou matá-la, não rastejou por mim. Sim, lutou por mim... mas eu lutei mais por ele. 
De novo, de novo, de novo, cada soco de meus punhos nas almofadas de treino eram uma pergunta e uma resposta. 
E ele teve a ousadia, depois que seus poderes retornaram, de me jogar em uma jaula. A ousadia de dizer que eu não era mais útil; eu deveria ficar enclausurada para a paz de espírito dele. Tamlin me dera tudo de que eu precisava para me tornar quem era, me sentir segura, e, quando conseguiu o que quis, quando conseguiu o poder de volta, as terras de volta... parou de tentar."

No dia do seu casamento, Rhys aparece e cobra a promessa que Feyre lhe fez, ou o pacto, trato, ou seja o nome que for, enfim... ele interrompe o casamento e a leva, aumentando ainda mais a fúria de um Tamlin que tem se tornado cada vez mais opressor.

"— Ele amava... ele me ama, Rhysand.
 — A questão não é se amava você, é o quanto. Demais. Amor pode ser um veneno."

Ao chegar na Corte Noturna, Feyre percebe que não era exatamente o que esperava...

"— Rhys está fora de forma e não admite, mas Azriel é educado demais para espancá-lo até cair na terra. 
Rhys parecia qualquer coisa, menos fora de forma. Que o Caldeirão me cozinhasse, que diabo eles comiam para ter aquela aparência?"

O que acontece é que sem saber porque, Feyre se sente mais viva quando está com Rhys. Porque parece tão certo estar ao seu lado, ainda que ame (ou ache que ame) Tamlin ainda é um mistério para ela e aos poucos ela começa a perceber que ele não é aquele ser desprezível que todos afirmam que ele seja.

Ela irá descobrir algumas mentiras e segredos que serão essenciais para que possa viver e sobreviver a um mal muito pior que Amarantha e Sob a Montanha.

Leia e vivencie uma história cheia de romance, intrigas, fantasia, triângulo amoroso (ainda que não dure quase tempo nenhum), e algumas cenas para lá de picantes.

"Mas encarei Rhys quando brindei com ele, o cristal dos copos tilintou nítida e alegremente por cima do barulho do mar que quebrava abaixo, e falei: 
— Às pessoas que olham para as estrelas e desejam, Rhys. 
Ele pegou o copo com um olhar tão intenso que me perguntei por que tinha me dado o trabalho de corar para Tarquin. Rhys brindou com o copo contra o meu. 
— Às estrelas que ouvem e aos sonhos que são atendidos."

Ah gente, que livro que eu adoro! Eu não sei porque, mas esta é a minha série favorita da vida! Tudo bem que eu já disse isso de outras, eu até confesso que tenho várias favoritas. Mas nenhuma delas eu releio tantas e tantas vezes!

10 comentários

  1. Finalmente o plot twist mais esperado acontece.
    Acredita que quando fui ler já sabia do tal plot mas foi tão bem escrito que nem me importei

    ResponderExcluir
  2. Denise, se eu te confessar que nunca li Acotar vou apanhar até que dia? rs
    Pois é, eu amo fantasia e sim, os elogios a esses livros são inúmeros, mas há também a turminha do não suporto.
    Eu juro pra você que tenho um certo medo, não me pergunte os motivos.
    Mas se é a série preferida, vou ter que dar um jeito de ler.
    Nem que seja para passar uma raivinha rs
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu deus....não.....o povo que não gosta só não gostou por que leu errado 😱
      Tu precisa ler para tirar as tuas próprias conclusões, mas eu penso que tu vai gostar muito. Eu amo. Já reli várias vezes e em breve vou reler com a Vivian e a Yohanna....
      Leia.......

      Excluir
  3. Terminei de comprar os livros da série na Bienal do RJ mas ainda não li a série. Espero conseguir lê-la ainda esse ano.
    Tenho grandes expectativas com relação à essa série, espero não me decepcionar pois o povo ou ama, ou detesta.

    Danielle Medeiros de Souza
    danibsb030501@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Essa série divide opiniões .Uns amam outros nem tanto .mas quando é assim é sinal que a série não passa despercebida.Ela mexe de alguma forma com quem lê.

    ResponderExcluir
  5. Ainda não tive a oportunidade de ler a série, mesmo recebendo e lendo várias indicações, seja de ACOTAR ou Trono de Vidro.
    Mas um dia chego lá haha. Só espero não me decepcionar, pois a propaganda e a expectativa são grandes.

    ResponderExcluir
  6. Olá! Ai meu Goku que eu estava na esperança de que esse ia ser o seu favorito, confesso que me decepcionei um tantinho com essa série, por isso, depois da leitura (traumatizante) do primeiro livro ainda não consegui retomar ela não, mas como boa brasileira não ei desistir assim tão fácil, espero me animar com as próximas resenhas e a nova LC.

    ResponderExcluir
  7. Oiiii
    Eu amo demais essa série, ainda não li Corte de chamas prateadas, mas até o momento esse é o meu favorito da série. Acho que a história desse livro é muito legal, e amo os personagens que entraram. Essa também é uma das minhas séries favoritas, mas não reli ela nenhuma vez ainda hahahhaha

    ResponderExcluir
  8. Acompanho tanto essa serie, mas ainda não li. Não curto muito fantasias, mas acho tudo interessante, principalmente a quantidade de páginas. kkk

    ResponderExcluir
  9. Oii,
    Aii adoro a cena do casamento kkkkk
    fiquei de boca aberta quando li.
    O raiva do Tamlin.
    O Rhys no começo não gostei, mas depois desenvolvi um crush nele kkkkkkkk
    Achei algumas cenas bem arrastadas e confusas.
    bjs

    ResponderExcluir