Luz, Câmera, Ação!!! SKAM

11 de novembro de 2020

Diretor ou produtor: Marianne Furevold-Boland
Ano Início: 2015
Ano do Término: 2017
Temporadas: 4
Gênero: Juvenil, Drama.
Elenco: Lisa Teige, Josefine Frida Pettersen, Tarjei Sandvik Moe, Iman Meskini
Nota:   
Sinopse: A vida no colégio secundário Hartvig Nissen, em Oslo, não é nada fácil para os estudantes da instituição. Além das responsabilidades escolares, cada aluno vive sua própria jornada em busca de autoconhecimento e pertencimento. Mas cada olhar sobre esta caminhada pode revelar um novo mundo, que pode ser tão hostil quanto encantador.

Resenha:

Skam é uma série norueguesa que acompanha diversas situações cotidianas de adolescentes em vida escolar, em uma instituição de renome em Oslo. Com episódios curtos e apenas quatro temporadas, o telespectador acompanha desde os temas mais simples relacionados ao mundo juvenil até os mais complexos. Para compreender um pouquinho mais desse universo, a série conta com um diferente protagonista a cada temporada.... vamos conhecê-los?

1° Temporada
A história de Eva é que inicia a obra, uma adolescente que se sente cada vez mais solitária por possuir pais ausentes e não ter amigos. Seu mundo gira em torno de Jonas, seu atual namorado com quem possui uma relação cada vez mais complicada. Desta maneira a protagonista precisa aprender a se descobrir, lidar com as aflições amorosas e não se abalar com as constantes brigas entre sua ex amiga.

Portal Skam Brasil

Esta temporada introduz a formação do grupo Russ, apresentando uma amizade única e de extrema relevância no decorrer da série. Assim se forma a grande união entre Eva, Sana, Noora, Vilde e Chris, garotas extremamente diferentes umas das outras que criam grandes laços. É exatamente uma dessas meninas que ganha destaque na próxima temporada.

2° Temporada 
Noora desde a temporada anterior mostrou toda sua forte e decidida personalidade, suas concepções firmes e a luta feminista fez com que ela se tornasse a queridinha de muitos telespectadores. A personagem mexeu com as emoções de quem assiste ao se apaixonar por Willian, um desajustado e cafajeste que causou as lágrimas de muitas garotas da escola. O temperamento de William deixa o relacionamento bastante conturbado, assustando Noora e trazendo ainda mais tensão para a situação.


Como se não bastasse tudo isso, a série fica ainda mais angustiante ao levantar o seguinte tema: abuso sexual. Apesar de ser uma abordagem desconfortável para muitos a obra ressalta com sutileza a cultura do estupro, a vulnerabilidade da vítima, o medo da exposição e as inseguranças com os risco da denúncia. Somado a tudo isso, Noora busca se entender com William e encontra grande apoio em suas amigas.

3° Temporada 
A temporada que levou a série a ser sucesso mundial narra a história de Isak, um garoto cheio de segredos e concepções estereotipadas. O jovem mantém sua fachada irônica e bem humorada para seus três amigos (um deles é Jonas que foi apresentado como namorado de Eva na primeira temporada), enquanto lida com o recente divórcio de seus pais. Tudo se mostra ainda mais confuso quando descobre sua atração por pessoas do sexo masculino e se apaixona pelo enigmático Even.


A luta é grande para Isak se aceitar e livrar-se de seus preconceitos, o desafio é ainda maior quando seus amigos começam a estranham suas atitudes. Isak começa a se envolver com Evan, em uma relação apaixonante, mas ainda há muito com o que precisam lidar. Uma dessas preocupações é outro assunto ressaltado na obra, os distúrbios mentais são apresentados de forma simples e direta. Desmentindo todas as ideias discriminatórias que envolve o tema, é possível aprender a grande lição de apenas nos importamos com o próximo minuto.

4° Temporada 
Sana é a personagem que atraía atenção e admiração desde as temporadas anteriores, sua história chega para infelizmente encerrar a obra. O telespectador acompanhou durante toda a série sua extrema sabedoria em argumentos super inteligentes, no entanto em seus episódios descobrimos suas inseguranças e falhas. Além disso, é possível conhecer o interesse amoroso de Sana pelo encantador Yousef.

Ο χρήστης teresa lynn στο Twitter: "Yousef & Sana :: "I swear that ...

A principal polêmica que rodeia a finalização da obra é a religião islâmica, refletindo sobre a intolerância religiosa que há até hoje. O tema é abordado levando-nos a descobrir um pouco mais sobre as ideias e preceitos que envolve tal religião, mas também com uma forma de combater o preconceito religioso. Embora a discussão sobre a diversidade cultural e religiosa estejam muito presentes, há ainda certo debate em relação ao cyberbullying.

Pode-se concluir que toda a série é um grande acréscimo para o mundo, ao debater e levar a pensar temas importantes da realidade. Os dramas vividos pelos protagonistas e pelos personagens secundários, fez e faz parte do cotidiano de muitos jovens. Muitas lições são expostas a cada episódios, levando a um grande número de aprendizagens.

Acredito que é uma série necessários, que contém assuntos atuais e ainda assim diverte a quem assiste. É muito curto e fácil de maratonar, então não deixe de assistir. A série já ganhou diversos remakes por todo o mundo então seu sucesso não é por nada, concordam?

12 comentários

  1. A louca das séries aqui admite com muita vergonha que não sabia da existência desse série e olha que são quatro temporadas!
    Puxa, eu amo esse universo mais juvenil que mesmo assim, traz temas ainda tabus e de suma importância a todos nós.
    Com toda a certeza do mundo, já vou caçar agora!!!
    Obrigada pela dica!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
  2. Andressa!
    Quem estava no Twitter em 2016/2017 sabe o quão grande Skam foi!
    A série nos conquista justamente por fugir do padrão que encontramos em produções norte-americanas (Neflix, estou falando de você e suas 29827837384738438 séries adolescentes vazias e triviais) sem contar que percebe-se que a televisão norueguesa é muito mais de boa em relação a certas cenas, né?
    A quarta temporada do show com certeza é a mais relevante, principalmente por levantar reflexões interessantes sobre religião.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Que legal!! Estava mesmo em busca de indicações de séries para assistir. Mesmo essa tendo 4 temporadas, eu não me lembro de ter visto nada sobre ela, além de nunca ter assistido nada norueguês. Achei demais o fato de ser dirigido/produzido por uma mulher e por ter tantas no elenco.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Ja ouvi falar muito dessa serie antes, mas nao sei por onde ver, queria muito que a netflix passasse ela! Muita preguiça de ver por outros meios. Ou tem na netflix e nao sabia?!

    ResponderExcluir
  5. Conheço a série por causa do Twitter. Sigo o séries Brasil e toda vez que tem enquete lá, Skam e seus personagens são sempre mencionados estando em destaque na votação.
    Nunca procurei assistir, não faz muito meu estilo, mas dou valor a ela pelos temas que aborda.

    ResponderExcluir
  6. Andressa!
    Parece uma série importante, principalmente para adolescentes, porque traz problemas que eles passam e alguns podem até trazer gatilhos, mas é necessário para que possam perceber toda parte emocional que eles vivem durante essa época.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  7. Nunca fui uma pessoa muito de séries, mas tem algumas que a gente gosta muito e acaba que influencia a busca por outras séries parecidas. Por exemplo, enxerguei um pouco de Elite nessa sua indicação, e ela foi uma das poucas séries que assisti tudo e toparia outra parecida.
    Fiquei mais animada ao saber que cada temporada tem um protagonista, parece sempre algo novo, mesmo sendo a mesma série né? Que legal! Achei cada história super interessante :)

    ResponderExcluir
  8. Oi Andressa!
    Confesso que só ouvir falar dessa série por nome e nunca fui atrás de saber o que era pois o fato de ser colegial + adolescentes me afastou (eu vi tanto que enjoei) mas gostei bastante do ciclo apresentado nas temporadas e pretendo assistir um dia!

    Amei a resenha 🖤🖤🖤🖤🖤

    ResponderExcluir
  9. Fátima Menezes13/11/2020 11:28

    Quase fui conquistada já na parte "episódios curtos e poucas temporadas", kk. Também achei interessante a ambientação e a proposta. Obrigada pela indicação!

    ResponderExcluir
  10. Amo séries, e achei muito interessante as temporadas e com assuntos tão atuais. Casos adolescentes me interessam muito, o ambiente da escola principalmente. Com certeza vou procurar para assisti.

    ResponderExcluir
  11. Olá! Confesso que não conhecia a série e em primeiro momento fugiria do enredo, já que séries adolescentes não me atraem tanto assim hoje em dia, mas pelo visto temos um diferencial nessa e por já está finalizada eu me animei ainda mais em conhecer, ainda mais por abordar temas tão importantes.

    ResponderExcluir
  12. Oi, Andressa
    Não conhecia essa série, mas achei os temas maravilhosos. Alguns dolorosos sim, mas importante demais. Que precisam mesmo serem debatidos .
    Vou anotar pra começar a assistir logo.
    Bjs

    ResponderExcluir