Nudez Mortal - Série Mortal, 01 - J. D. Robb (Nora Roberts)

4 de setembro de 2020

Título: Nudez Mortal - Série Mortal, 01
Autor: J. D. Robb (Nora Roberts)
Páginas: 350
Ano: 2004
Editora: Bertrand Brasil
Gênero: Literatura Estrangeira, Ficção, Suspense, Mistério, Romance policial
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota:   
Sinopse: No ano 2058 a tecnologia governa o mundo por completo. Eve Dallas é uma detetive da Polícia de Nova York que tem que lidar com um escândalo: a neta de um senador é assassinada e a vida secreta de prostituição da vítima é revelada. O caso, de alta repercussão, leva a detetive aos fechados círculos da política e da sociedade de Washington. Porém, quebrando todas as rígidas regras de conduta, Eve envolve-se com o milionário sedutor Roarke, suspeito de um dos casos em que está trabalhando. Nora Roberts une com maestria suspense e romance nesta história policial envolvente.


Resenha: Tenho esta série na fila de leitura a uns dois anos! Mas gente, como criar coragem de ler uma série que, hoje, conta com 31 livros?

Ainda por cima, por causa do título do primeiro livro, na minha cabeça, era livro hot! Daí não dá né...não para mim que, apesar de adorar séries longas, e essa está superando todas as expectativas, não gosto de hot!

Temos 31 livros publicados no Brasil até agora e vi que tem mais, acho que 13 a serem publicados, é livro que não acaba mais gente! Vou levar anos resenhando! Mas que bom, eu gosto disso, e gostei do primeiro livro!

Nudez Mortal...esse nudez que eu remeti diretamente ao hot, se refere na verdade na forma como um assassino em série deixa as vítimas. Nuas, com os braços e pernas abertas, de forma que elas formem um X com o corpo.

"- Ainda não consegui descobrir por que o tipo de mulher intensa, decidida e cheia de espinhos de repente me atrai, de forma tão inesperada.
- Isso não é muito lisonjeiro..."

Vamos esclarecer que J.D. Robb é um pseudônimo que a Nora Roberts adotou para escrever esta série. Porque, eu não sei, mas enfim...é da Nora gente e eu adoro a escrita dela, assim como as cenas mais picantes. São sutis, nada pesadas ou agressivas então, pode ter aquela pimenta lá em cima, mas não é hot, pelo menos este primeiro, que foi o único que eu li até agora!


Bom, estamos em 2058! Muita coisa mudou lá na frente, entre as mudanças, a extinção das armas de fogo. São agora, artigos de museu ou colecionadores. Então imaginem a confusão quando a primeira vítima foi assassinada com uma dessas armas?

As suspeitas recaem imediatamente sob um magnata, que detém muitos prédios (inclusive o da vítima), além de obviamente, ele ser um colecionador.

"Sabe, Eve, você precisa começar a se encontrar com homens que não sejam criminosos.
-Eu me encontrei com aquele consultor de imagens que você arrumou. Ele não era criminoso. Era apenas idiota."

Eve é designada para investigar o caso e vai ter que encarar Roarke, o milionário suspeito. Acontece que além de ser suspeito, ele é irresistível e Eve vai viver um dilema entre se envolver com o cara ou esperar para saber se ele tem mesmo algo a ver com o crime.

Aliás, já de cara saberemos que as coisa tendem a piorar já que junto com a vítima, além da arma do crime existe um bilhete escrito "Uma de Seis". Pois é, teremos mais vítimas!

Então...de um lado o Roarke resolve se interessar por ela e é suspeito, e tem tudo para ser o culpado. Do outro, o avô da primeira vítima, que é um senador conservador não pára de aporrinhar e pedir resultados e de outro lado ainda, Eve começa e se interessar pelo seu suspeito. Pudera, o cara dá café à ela! Café lá em 2058 é muito caro gente...

"Você alguma vez esteve no apartamento de Sharon, Roarke?
Ela era durona, ele avaliou, embora tivesse certeza de que havia algo macio e quente por baixo daquilo. Ficou pensando se, ou melhor, quando ele teria a oportunidade de descobrir.
- jamais estive lá durante o tempo em que ela foi inquilina."

Bom, posso dizer que me arrependi foi de ter esperado tanto para começar a ler, por um lado! Por outro, gente, imaginem comprar 31 livros? Não tem outro jeito, vai ser uma leitura lenta, até porque não tem todos em ebook e eu vou ter que ir atrás de alguns físicos mesmo!

"Roarke ficou se perguntando se era algum tipo de perversão gostar tanto da maneira  com que ela arrasava com ele."

Mas é uma leitura incrível! A escrita da Nora não deixa a desejar nem em um livro antigo como esse, 2004 gente, imaginem isso. E, apesar de ser um livro tããão antigo, é atual pra caramba! Também, é no futuro! A autora pôde tomar certas liberdades na escrita que são muito coerentes!

Não sei quando, espero que em breve, vou ler o próximo, Glória Mortal.

12 comentários

  1. Eu li o número 31 três vezes que foi pra garantir rs
    Tenho coragem também não. Jesus amado! Ainda se tivesse em e-book, o preço seria até acessível,mas físico??
    Bem, eu só conheço as letras de Nora pelo lado romântico, naqueles velhos romances quase que de banca,mas esse lado dela que mexe ora com sobrenatural e suspense, eu ainda não li!!!
    Mas o título remete a hot realmente, mas é interessante ler que foi pela forma do assassinato.
    E eu amo assassinatos!rs
    Não digo que não lerei. Deu muita vontade!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
  2. Eu tenho exatamente o mesmo sentimento que você estava tendo. Começar uma série desse tamanho precisa de muita coragem, contando com os que ainda não foram lançados no Brasil, já tem mais de 40. OMG!!!
    Eu gostei demais da sua resenha. Pra falar a verdade não sabia o que esperar desse livro. Acho que vou tomar coragem pra começar a leitura da série. Talvez ler sua resenha era só o empurrãozinho que eu precisava.

    ResponderExcluir
  3. Olá Denise!
    Pai amado! É livro que ano acaba mais, eu tenho receio de ler uma série gigantesca como essa porque sou muito esquecido, e se não ler um atrás do outro (o que nesse caso é impossível rsrsrs) esqueço de tudo e nem lembro mais quem é quem, quem fez o que e quem está com quem hahahah.
    Por outro lado, é Nora Roberts aqui né mores, então qualidade com certeza não vai faltar. E como envolve crime, o ritmo de leitura desse primeiro volume deve ser intenso.
    Ahhhhhh e a parte futurista dá todo um diferencial, será que tem uma pegada meio Blade Runner ou eu estou viajando como sempre?
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. ola
    Nora Roberts é uma das minhas autoras preferidas ,amo a escrita dela é fluida sem rodeios ;dessa serie eu só li um ,que peguei na biblioteca .A serie é enorme e realmente tem que ser lida aos poucos .

    ResponderExcluir
  5. Tô adorando essa onda de Nora por aqui porque eu já disse que AMO a escrita dela e cada vez fico feliz em ver novas indicações :)
    E o mais legal é que ela escreve de tudo né? Foco chocada com essa mulher! Nem sabia desse livro de suspense e romance, já fiquei super curiosa!
    Fiquei de queixo caído quando você escreveu 31 livros, até voltei pra ver se não tinha visto errado kkkkkkk Que bom que você gostou tanto! e vou ficar daqui ansiosa pelas outras 30 resenha, no mínimo né? haha
    Abraços

    ResponderExcluir
  6. Estamos juntas no sentimento viu!
    Foi preciso coragem para começar a ler!
    Mas meu deus como valeu a pena!
    Nora é rainha mesmo!
    Então obrigada por escolher essa série para nós!

    Já se redimiu 65% por perdida!
    😍😂❤

    ResponderExcluir
  7. Primeira vez que to vendo algo da Nora Roberts usando pseudônimo. Ao ler sua resenha, eu logo me vi interessado pelo livro. Além de conter suspense, um dos meus gêneros favoritos, me deixou curioso o fato do livro se passar em 2058 e, dentre outras mudanças, a arma de fogo ser apenas objeto de museu. Uma série de 31 livros UAAAU Eu to lendo a série de 11 livros, do Harlan Coben, e já acho muito! Amei a resenha!

    ResponderExcluir
  8. Olá Denise!
    Nora Roberts, ninguém segura essa mulher! É livro que não acaba mais MESMO, mas a escrita da autora vale a pena, ainda mais se for um romance policial, que eu adoro. Já vou começar a fazer um estoque de café hoje pra garantir o consumo no futuro hahaha. Se envolver com o suspeito deve ser uma situação muito complicada para Eve e por em prova toda a sua carreira, por isso estou curiosa para saber como a situação irá terminar. Adoro a química que os casais da autora tem, sexy sem ser vulgar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Denise!
    Amo a Nora Roberts também e essa série é uma das mais desejadas por mim, estou criando coragem para ir adquirindo e lendo os livros aos poucos.
    Gostei de ver que é um romance mais quente e futuista e ainda mistura um pouco de suspense policial, fiquei ainda mais interessada.
    Força para continuar a série e trazer as resenhas.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  10. Oie Denise
    Eu amo a Nora Roberts, mas vou confessar que essa é uma série dela que eu nunca tive vontade de ler. Justamente por ser gigante!! Eu não gosto tanto de séries grandes, e essa série é grande demais!!! Eu nem sabia direito do que se tratava, pelo nome eu também achava que era hot, fiquei até chocada agora por saber que é de investigação, e realmente parece ser muito boa!! Até fiquei com vontade de ler esse livro, mas ainda falta coragem de ler a série toda kkkkkk

    Bjss ^^

    ResponderExcluir
  11. Li esse livro a bastante tempo que nem lembrava direito da história. Mas caramba, quando li não imaginava que a série chegaria a 31 livros. Mas gostaria de ter tempo para ler toda a série, pois gosto da forma que Nora Roberts escreve, independente do estilo para mim sempre é perfeita.

    ResponderExcluir
  12. Olá! Ahhh que eu também tenho vontade de ler essa série, mas confesso que o número de livros meio que me desanima, afinal, vai ser difícil dá conta hein, mas estamos falando de Nora, então é quase impossível resistir, mesmo assustada com o tanto de livros, espero sim, criar coragem (e vergonha) e começar mais essa série.

    ResponderExcluir