A Boa Filha - Karin Slaughter

11 de julho de 2019

Título: A Boa Filha
Autor: Karin Slaugther
Páginas: 464
Ano: 2018
Editora: HarperCollins Brasil
Gênero: Suspense, Policial
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon 
Nota: 
Sinopse:
Quando eram adolescentes, a vida tranquila de Charlotte e Samantha Quinn foi destruída por um terrível ataque em sua casa. Sua mãe foi assassinada. Seu pai um famoso advogado de defesa de Pikeville, Geórgia ficou arrasado. E a família foi dividida por anos, para além de qualquer conserto, consumida pelos segredos daquela noite terrível. Vinte e oito anos depois, Charlie seguiu os passos de Rusty, seu pai, e se tornou advogada mas está determinada a ser diferente dele.

Quando outro caso de violência assombra Pikeville, Charlie acaba embarcando em um pesadelo que a obriga a olhar para trás e reviver o passado. Além de ser a primeira testemunha a chegar na cena, o caso também revela as memórias que ela passou tanto tempo tentando esconder. 

Resenha:
" Nada nunca desaparecia de verdade. o tempo apenas amortecia as dores."

No final da década de 80, Charlie e sua irmã Samantha Quinn, vivem com seus pais numa cidadezinha dos Estados Unidos. Acontece que toda sua família é bem odiada pois seu pai, Rusty, é um advogado que defende os bandidos locais, que muitas vezes nem pagam o que devem a ele.

Numa dessas defesas, da qual um acusado de estupro é solto, e a  vitima havia cometido suicídio, a família sofre um atentado quando ateiam fogo na casa quando estavam apenas elas duas e sua mãe.
Por sorte, elas saem praticamente ilesas sendo a maior perda, a material.

Logo se mudam para uma pequena fazenda, porém a tragédia parecia persegui-las de forma persistente. Lá acontece outro atentado, porém é muito mais trágico que o anterior, fazendo-as perder a mãe e criar traumas irreparáveis em suas vidas.

"Queria prender aquilo, colocar todas as imagens horríveis em suas devidas caixas, enfia-las em uma prateleira e nunca mais abri-las."
Passados alguns anos, Charlie, agora advogada igual ao seu pai, encontra-se numa escola aonde um tiroteio acontece e tudo aquilo que ela tanto lutou para deixar adormecido, volta para lhe assombrar, e irá descobrir que esse episodio tem algo relacionado com lhe aconteceu no passado.

Confesso que o começo do livro me prendeu bastante, com as cenas gráficas de sangue, perseguições, e com Samantha quase enterrada viva.

Porém, lá no meio da história o ritmo se torna lento e um pouco maçante, mas o final compensa pelo plot twist.

A escrita da autora lembra bastante Gillian Flynn (Objetos Cortantes, O Adulto, Garota Exemplar) uma das minhas autoras favoritas e por isso vou ler mais de suas obras. E vocês já leram algo de Karin Slaughter?

6 comentários

  1. Eu ando namorando este livro faz um tempinho, mas até agora, não consegui ter ele em mãos. Já li algumas resenhas que falaram isso também, da parte mais lenta no enredo, dando esse ar de "quase atrapalhar" o enredo.
    Parece que a autora começou rápido demais, encontrando fatos demais e depois não tinha o que escrever.
    Aí ela vem e dá uma reviravolta! rs
    Mas como sou fã demais do gênero, com certeza, quero demais conferir este livro!!!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Olá! Ainda não li nada da autora, mas ela já está na lista, estou amando acompanhar as novidades em relação a esse gênero, pois venho me arriscando recentemente nele e estou gostando bastante. Claro que as partes com mais sangue, ainda me deixam um pouco enjoada, não posso negar, mas a história compensa bastante esses momentos (ufa).

    ResponderExcluir
  3. Olá Karla!
    A obra apresenta uma trama que parece esconder vários mistérios, cabendo ao leitor ir ligando os fatos para chegar à verdade. As descrições dos crimes são extremamente bem feitas, e talvez leitores mais sensíveis tenham dificuldades em acompanhar a história, porém vai de cada um, né? Acredito que no meio do livro a autora opta por desacelerar o ritmo para dar tempo ao leitor de assimilar o panorama dos acontecimentos, uma atitude sensata para que nada passe batido.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Achei interessante por tanta desgraça acontecendo na vida dessa personagem, só pela curiosidade de porque tudo isso aconteceu. Quem tá por trás, porque? Essas coisas. Mas também não me chamou tanta atenção assim. O plot deixa curiosidade, ao menos o final parece legal, mas não acho que leria nem tão cedo. Não no momento. Fica a dica ao menos...

    ResponderExcluir
  5. Oi gêmea
    😁
    Ainda não li nada dessa autora, porém, cheguei várias vezes a cogitar comprar algo dela.
    A trama me chamou atenção e vou colocar ela na minha lista do ano. Afinal, Gillian também é uma favorita e se a escrita de Karin lembra ela, já tem minha atenção.
    Adorei a indicação 😍😘😘

    ResponderExcluir
  6. Olá Karla!
    Ainda não li nada dessa autora. Dá pra perceber que a vida da protagonista é bem movimentada no que diz respeito a acontecimentos tragédias. Ter crescido assim deve ter deixado muitos traumas. Como fã de thrillers achei o tema interessante e com essa comparação com outra autora famosa por histórias ótimas mal posso esperar pra ler.
    Beijos

    ResponderExcluir