O Amor nos Tempos do Ouro - Marina Carvalho

Título: O Amor nos Tempos do Ouro
Autor: Marina Carvalho
Páginas: 328
Ano: 2016
Editora: Globo Alt
Gênero: Romance, Literatura Brasileira
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Cultura | Saraiva
Nota: 
Sinopse: "Sabes que nunca me apaixonei, maman, mas se porventura o tivesse feito, seria por alguém como ele?"
Cécile Lavigne perdeu todos os que amava e agora está sozinha no mundo. Ela, uma franco-portuguesa que ainda não completou vinte anos, está sendo trazida ao Brasil pelo único parente que lhe restou, o ambicioso tio Euzébio, para casar-se com o mais poderoso dono de terras de Minas Gerais, homem por quem Cécile sente profundo desprezo. Após desembarcar no Rio de Janeiro, Cécile ainda precisará fazer mais uma difícil viagem. O trajeto até Minas Gerais lhe reserva provações e surpresas que ela jamais imaginaria. O explorador Fernão, contratado por seu futuro marido para guiá-la na jornada, despertará nela sentimentos contraditórios de repulsa e de desejo. Antes de enfim consolidar o temido casamento, Cécile descobrirá todos os encantos e perigos que existem nessa nova terra, assim como os que habitam o coração de todos nós. Com o passar dos dias, crescerá dentro dela a coragem para confrontar todas as imposições da sociedade e também o seu próprio destino.

Resenha: O Amor nos Tempos do Ouro é um surpreendente romance de época escrito por Marina Carvalho e publicado pela Editora Globo Alt.

Cécile é uma francesa de modos diferentes dos padrões convencionais para a época. Uma menina doce, que vive feliz na França com sua família, até que um acidente a deixa sozinha....

O livro começa com Cécile escrevendo uma carta para os pais, coisa que ela faz com certa frequência... seus pais e seus dois irmãos mais novos morreram num acidente, deixando a menina sozinha.

Acontece que ela é solteira e tem só dezenove anos, logo, precisa de um tutor. O único parente vivo dela, um tio que mora no Brasil a trás para supostamente viver com ele. Só que quando ela chega, descobre que foi dada em casamento à um fazendeiro de Minas Gerais.

Seu tio vive no Rio de Janeiro e como ela precisa fazer uma viagem de duas semanas até Minas, por dentro de matas enfrentando animais, índios e todo o tipo de perigo, seu noivo contrata Fernão. Um homem rude, que fez fama e fortuna fazendo todo o tipo de serviços para os fazendeiros locais.

Fernão já antipatiza com ela antes mesmo de conhecê-la afinal, uma moça tão nova querendo casar-se com um fazendeiro velho só pode ser por dinheiro não é? Ela, resignada, vai, não sem antes perder mais um pedaço do seu passado. Seu tio toma para sua esposa a dama de Companhia de Cécile, que a acompanha desde criança.

A viagem segue, com alguns problemas, mas nada de muito grave, a animosidade entre Fernão e Violet é visível, só que, aos poucos, ele começa a perceber que ela não é tão interesseira quanto parece e ela começa a ver que ele não é tão rude assim, e é bonito pra caramba....mas isso tinha mesmo que ser né...hehe...

Num último momento de desespero, Cécile pede que Fernão não a entregue ao noivo, mas ele tem um trato, e tem palavra, então termina o seu serviço e a entrega. Se arrepende no mesmo instante porque o tal fazendeiro além de ser muito mais velho, é arrogante, ruim e trata todos como se fossem inferiores. Para ele, mulher não tem vez, nem para falar se não for solicitada e a força é a solução quando o castigo é necessário.

Apaixonado pela francesa, Fernão organiza a sua fuga. Conseguem, mas com muitas dificuldades e é claro que o "noivo" abandonado vai atrás de vingança. O Casal recém descoberto apaixonado não vai poder viver em paz enquanto não resolver essa questão, e é aí que a estória realmente começa, só que agora eu não vou contar mais nada para não acabar com a surpresa que a leitura nos proporciona!

A estória é ambientada na época do Brasil colonial, quando os portugueses estavam colonizando o Brasil, trazendo escravos, mandando e desmandando, uma época difícil e poderia facilmente ter acabado com a leitura, mas isso não aconteceu, a autora soube conduzir com perfeição e até a linguagem formal usada, que é algo que não vemos sempre, ficou ótima dentro da trama, ficou coerente e não cansativa. Nota-se o trabalho de pesquisa feito.

A Leitura flui de uma maneira bem gostosa e eu adorei! recomendadíssima!!!


10 comentários

  1. Oi Denise, também curti muito essa história e achei visível o capricho da autora para com ela. Foi bem legal acompanhar uma história de época que se passa no Brasil e que me conquistou. A escrita de Marina é bem fluída, e gostei de Cecília e Fernão, a trama tem romance, reviravoltas, ação e tá com uma capa linda <3

    ResponderExcluir
  2. OI, Denise!

    Também estou querendo muito ler esse livro. Quase troquei um dos meus livros no Skoob por esse livro, mas no último instante a outra pessoa desistiu da troca... uma pena, vou ter que esperar um pouco mais! Linda resenha!
    Abração!
    Drica.

    ResponderExcluir
  3. Olá.
    Já faz um bom tempo que tenho esse livro adicionado a minha lista de desejados. Acho a capa tão bonita e a sinopse me conquistou! Espero ter a oportunidade de ler!
    Adorei a indicação. A resenha está perfeita!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Olá, além de contar com uma trama bem construída, os aspectos do Brasil Colônia dão uma autenticidade muito bem vinda ao romance. Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Olá! Esse livro é uma mistura de romance de época com História, uma boa opção para lazer e estudos para o vestibular ao mesmo tempo. Muito bom ver o escritores brasileiros com essa pegada meio nacionalista. Amei o título! Beijos

    ResponderExcluir
  6. Eu também gostei bastante desse livro. Eu já tinha lido alguns livros da Marina Carvalho, mas confesso que não tinha gostado muito deles. Mas pra mim, esse é o melhor livro da autora. Achei que a escrita dela melhorou muito, e gostei muito mais dessa história. E eu também percebi que a Marina fez uma grande pesquisa para escrever esse livro! Com certeza é um ótimo livro!!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Oi! Eu não sou fã de romances de época, mas confesso que fiquei super interessada depois de saber que o ambiente do livro é Brasil colonial! Fiquei curiosa pra saber a pesquisa feita pela autora para escrever o livro. Beijoss

    ResponderExcluir
  8. Tenho este livro já faz algum tempo que quero ler este livro, e inclusive já o adquirir, e pretendo ler está obra ainda este ano, e após ler sua resenha fiquei ainda mais cativada. Adoro a época do Brasil colonia, e me infiltrar nesta época por meio deste romance me pareceu envolvente e cativante, mas ainda tem muita crueldade, já que se passa na época da escravidão.

    Participe do TOP COMENTARISTA de AGOSTO, para participar e concorrer Ao livro "Dois Mundos", o primeiro da série "Tesouros da Tribo de Dana" da escritora Simone O. Marques, publicado numa edição linda pela Butterfly Editora.
    http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Eu só li o livro Simplesmente Ana dessa autora, e gostei bastante da narrativa dela. Estou com bastante vontade de ler esse livro, eu acho essa história fascinante! E acho que vou gostar também pela história se passar aqui no Brasil e nesse período. Esse livro será uma das minhas próximas leituras =)
    Bjss ^^

    ResponderExcluir
  10. Ola!
    Uma romance de época aqui no Brasil é uma fofura, gostei disso. A trama do livro é interessante, tem uma premissa muito boa e com certeza irei amar ler esse livro.

    ResponderExcluir