O Garoto dos Olhos Azuis - Raiza Varella

Título: O Garoto dos Olhos Azuis - Trilogia Encantados, 01
Autor: Raiza Varella
Páginas: 376
Ano: 2016
Editora: Pandorga
Gênero: Romance
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Saraiva
Nota:       
Sinopse: Bárbara é linda, loira e bem-sucedida. Desde que assistiu a uma cerimônia de casamento pela primeira vez, ainda criança, seu sonho é apenas um: percorrer o tapete vermelho da igreja, vestida de noiva. Porém, contrariando todas as suas expectativas, ao ser abandonada no altar, a vida de Bárbara desmorona. Ela decide voltar à cidade natal e passa a viver com os irmãos e mais dois amigos. Todos homens. Com a ajuda de Vivian, uma espécie de Barbie Malibu, Bárbara tenta superar sua decepção amorosa recente e uma da adolescência, que volta com tudo à sua memória: o garoto dos olhos azuis. Será que o cavalo branco só passa uma vez? É isso que Bárbara vai descobrir com bom humor, jogo de cintura e uma pitada de neurose, em O Garoto dos Olhos Azuis, romance de estreia de Raiza Varella.
Resenha:
O livro narra a historia de Barbara, uma mulher encantadora, que está na iminência de realizar uma etapa por anos sonhada e idealizada, o seu casamento.  Desde sua infância ela acredita em conto de fadas, quando aos seus anos ela foi a um casamento e se encontrou fascinada com o olhar apaixonado do noivo para com a sua noiva.  Sua avó também ajudava a alimentar essa paixão com histórias de príncipe encantado e Cavalo Branco.

Já na sua adolescência Barbara recebeu seu primeiro beijo de um garoto de olhos azuis, que a protegeu de uma humilhação imposta por uma menina mais velha. Ela passou o resto de sua adolescência e o começo de sua vida adulta estimulando o sonho de se deparar mais uma vez com esse garoto o qual ela tinha se apaixonado tão repentinamente embora nunca mais o tenha visto novamente.

Quando conheceu seu noivo achou que afinal iria atingir o seu sonho, e que seu príncipe encantado finalmente a tinha encontrando, mas ao entrar na igreja ao procurar o olhar apaixonando do seu noivo não encontrou, vislumbrou somente frieza e indiferença. Logo ela descobriu que o seu conto de fadas tinha se transformado em um enorme pesadelo. Ela foi abandonada em pleno altar e seu príncipe encantando se transformara num horrendo “sapo”. O safado estava se relacionando com uma de suas melhores amiga e resolveu contar apenas na hora do casamento.

“– Não escuta o que ela falou. Eu sei que algum dia alguém vai notar você. – Então ele abriu o sorriso mais lindo que eu já tinha visto, o que me fez lembrar daquele noivo de muitos anos atrás, mas o sorriso daquele rapaz não chegava nem aos pés do meu garoto dos olhos azuis.”
Sua vida se transformou em um inferno e no meio desse caos e de crises de auto piedade ela resolve passar uns dias com seus irmãos Gustavo e Augusto e mais dois amigos que eles dividiam o apartamento, Ian e Bernardo. Barbara quer superar o trauma da traição tanto daquelas que se diziam suas amigas e tramavam em suas costas, quanto do seu ex-noivo, e levar sua vida adiante. Ela ganhará uma aliada e tanto, a irmã de Ian, a quem ela carinhosamente chamava de Barbie Malibu na qual a ajudará a confiar novamente nas pessoas. Barbará vai superando ao longo da narrativa seus medos e traumas e por fim irá descobrir que todo sonho pode se tornar realidade.
“Prometi a mim mesma que seria a última vez. Mais nada nem ninguém teria o poder de me abalar, de me destruir, de fazer com que eu duvidasse de mim mesma a ponto de não saber mais quem eu era.”
A história é linda, comovente e quando achei que estava ficando clichê o livro teve uma reviravolta envolvente. Confesso que não consegui parar de ler. A autora tem uma escrita fantástica e fluida. Vivi cada momento com a Barbara, torci, briguei, quis arrancar os cabelos de preocupação em algumas partes e em outras me peguei rindo das loucuras da personagem, ou seja, o livro me deixou completamente bipolar e acredito que fará o mesmo com você.  Permita-se viver uma grande história de amor e descobrir que finais felizes ainda existem!

8 comentários

  1. Oi Nádya, confesso que tenho implicado com a capa desse livro, e com a descrição de Barbara na sinopse, infelizmente não curti e criei uma certa barreira pra essa história, barreira essa que tô desconstruindo aos poucos e pretendo sim ler o livro, todas as resenhas que tenho lido dele são super positivas. Ser largada em pleno altar não deve ser fácil e passar a viver com os irmãos também deve ter seus percalços. Eu gosto de um clichê e gosto também quando o clichê surpreende no final e isso é o que parece acontecer. Curti a resenha e quero sim ler esse livro futuramente ;)

    ResponderExcluir
  2. Tenho este livro já faz algum tempo, e pretendo lê-lo ainda este ano, fiquei feliz em saber que mesmo com um premissa clichê, a autora ainda sim construiu uma trama com uma revira volta que vai nos fazer se envolver ainda mais com este livro. Outro ponto e a forma como sua escrita vai nos fazer ter um misto de emoção em diversos momentos desta estória. Super ansiosa por esta leitura.

    Participe do TOP COMENTARISTA de Julho, para participar e concorrer aos livros "O Casal que mora ao lado" e "Paris para um e outros contos".
    http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá, apesar de genérico, o livro é ótimo para quando estamos querer algo leve e ainda por cima consegue nos surpreender de forma positiva. Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Oi Nadya, tudo bem?
    Já li outras resenhas sobre este livro e o restante da trilogia, e fiquei muito curiosa para conhecê-los. Apesar de parecer ter um enredo clichê, os personagens parecem ser maravilhosos e tantas pessoas falam destes livros que eu me sinto instigada a realizar a leitura.
    Eu amo esta capa, e todas as outras com os cavalos.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Superar ser abandonada é bem complicado ainda mais em pleno altar. Tadinha!
    Apesar de ser um pouco clichê chamou minha atenção.
    Vou colocar esse livro na minha lista de leitura.

    ResponderExcluir
  6. Ah, eu amo a escrita da Raiza! Já li este livro é o segundo da série, infelimente o terceiro não desceu e até agora estou com ele no Kindle aguardando a leitura. Enfim, é bem isso que você falou no último parágrafo, quando a gente acha que está tudo calmo demais, clichê demais, Raiza vai lá e surpreendente jogando uma carga enorme de situações e acontecimentos para as personagens e nós lidarmos. Se você amou esse, vai adorar o segundo (se é que já não leu).

    ResponderExcluir
  7. Olá !
    Já li vários comentários positivos sobre o livro espero que alcance minhas expectativas! !

    Parece ser uma leitura bem tranquila e leve !!


    Bjo

    ResponderExcluir
  8. Nadya, que resenha maravilhosa!
    Só li elogios a respeito das obras da Raiza Varella.
    Baixei esse livro no Kindle quando estava gratuito na Amazon. Preciso le-lo com urgência!

    ResponderExcluir