Resenha: Play ( Stage Dive, 2) - Kylie Scott

Autor: Kylie Scott
Páginas: 320
Ano: 2015
Editora: Universo dos Livros
Gênero: Literatura Estrangeira, Romance
Adicione: Skoob
Nota:     
Sinopse:
Ele precisava de uma namorada de mentira. Ela precisava de ajuda financeira. Mas será que eles vão conseguir não misturar os sentimentos com os negócios? Mal Ericson, o baterista da mundialmente famosa banda de rock Stage Dive, precisa melhorar sua imagem, e rápido. Ter uma boa garota ao seu lado parece ser o suficiente. Mal não planejara que este artifício temporário se tornasse permanente; no entanto, ele não esperava encontrar o amor de sua vida. Anne Rollings jamais pensou que conheceria o rockstar que inundava as paredes de seu quarto na adolescência - especialmente não naquelas circunstâncias. Anne está com problemas financeiros, e dos grandes. Porém, ser paga para ser a namorada de mentira de um selvagem e festeiro baterista não poderia terminar bem, não importa se ele é muito gostoso. Será que um final feliz é possível nesse caso?

Resenha: 


Um namoro de mentira com rockstar não deveria ter se tornado amor...


Segundo livro da Série Stage Dive, no primeiro livro, Lick ( resenha aqui) conhecemos a história de Ev e David, agora é a vez de Mal e Anne. Yaaay, agora vamos descobrir o que Mal vai aprontar!

Esse personagem me encantou tanto no primeiro livro, ele é o centro de toda diversão com seu jeitinho único de ser.Mal precisa de uma namorada urgentemente para melhorar sua imagem, ter alguém deve ser o suficiente, ele só não contava em conhecer Anne. Ela é perfeita para seu plano, e Anne jamais imaginaria conhecer o homem de seus sonhos!

Anne é uma mulher muito altruísta, e isso acaba sendo ruim pra ela, pois um dia ao chegar do trabalho encontra seu apartamento praticamente vazio. Ela ajudou por meses sua amiga Skye, pagando as contas, aluguel e comida, enquanto a amiga não podia. E o que Skye faz? Vai embora sem pagar o que deve e levando metade de tudo.
Lauren acaba vendo a situação de sua vizinha, e a convida para uma festa no apartamento do Ev e David, Anne aceita, afinal seu dia havia sido uma bosta.
- Com meu talento para escolher em quem confiar, eu provavelmente acabaria perguntando o signo ao único assassino ali presente.
Ao chegar na festa, se depara com Mal, ela fica fascinada, ele é simplesmente o baterista de sua banda preferida! Como ela poderia não babar ?

Mal entra na vida de Anne bagunçando tudo e claro sem pedir licença. Ele sabe que ela precisa de dinheiro, e ele precisa de uma namorada, então ele pede para que ela finja que eles estão apaixonados.
- Dinheiro não comprava felicidade. Eu sabia disso. Contudo, dada a minha atual situação, essa máxima não me convencia.
(...)
- Porra, claro. Vou sossegar agora. Sou outro homem. Amor verdadeiro e tal.
O plano de Mal é simples, eles devem mostrar que estão apaixonados, e pronto, nada de se envolver fisicamente, pois como ele mesmo acaba falando, isso complica tudo.
- Tolice. Nós transamos com tanta vontade que quebramos a sua cama. Eles bem que queriam ser a gente. A ordem natural do status sexual foi restabelecida.
Eles são péssimos atores a princípio, mas aos poucos começam a se entender melhor. Mal com seu jeito cativante mexe com os sentimentos de Anne. Em um certo ponto do livro, chegamos ao drama, que é o porque de Mal querer uma namorada fictícia, e bem, meu coração ficou na apertadinho e os olhos com lágrimas.

A autora consegue incorporar todos os integrantes da banda de uma maneira belíssima, e eles são extremamente importantes para a história. As meninas : Ev, Lauren e Lizzie , que é a irmã mais nova de Anne, acabam se tornando imprescindíveis, sempre unidas, ajudando e aconselhando quando necessário.

Mal acaba passando dos limites, e coloca tudo a perder com Anne. Ele acha que realmente está fazendo o certo, mas depois percebe o quão errado estava.

O livro é realmente lindo, tem drama, tem amor, carinho e compreensão. Mas acima de tudo, é um livro muito alto astral, o riso é garantido!
Não deixe de leeeeeeeeer ! Beeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeijos :*


Nenhum comentário

Postar um comentário