Resenha: Desejo Insaciável (Série Imortais - 1) - Kresley Cole

Autor: Kresley Cole
Páginas: 352
Ano: 2016
Editora: Valentina
Gênero: Romance, fantasia
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota:        
Sinopse: A lenda de um feroz lobisomem e uma encantadora vampira – improváveis almas gêmeas cuja paixão testará os limites da vida e da morte.
Um incansável guerreiro mítico. Nada o deterá até que possua a...
Depois de suportar anos a fio torturas constantes comandadas pela Horda dos vampiros, Lachlain MacRieve, líder do clã dos Lykae, fica enfurecido ao descobrir que sua parceira, há tanto tempo profetizada e pela qual espera há mais de um milênio, é uma vampira, assim como seus captores. Na verdade, Emmaline Troy é metade Valquíria, metade vampira. Jovem delicada e etérea que, com seu jeito todo especial de ser, é a única que pode suavizar a fúria que incendeia o faminto Lykae.
Uma vampira prisioneira de sua fantasia mais selvagem...
A doce Emmaline decide sair pelo mundo em busca da verdade sobre seus pais desaparecidos. Em Paris, um poderoso espécime Lykae a encontra, determina que ela será a sua parceira por toda a eternidade e a leva para o castelo escocês dos seus ancestrais. Lá, o pavor que Emmaline sente do Lykae – e da sua insaciável fome de prazer – faz com que ele inicie um lento e envolvente jogo de sedução e ela liberte suas mais sombrias fantasias.
Resenha:



Um romance adulto sobrenatural, (agora estou viciada neles) erótico, cheio de ação, aventura, descobertas e um amor, que tem tudo para dar errado.
"Cada Lykae abrigava uma "fera semelhante a um lobo" dentro de si, como uma espécie de possessão. Isso os tornava imortais, e fazia com que apreciassem e ansiassem pelas necessidades mais elementares: comida, contato físico, sexo. Entretanto, como ela percebera naquela noite, assim como na véspera, aquilo também tornava um Lykae incapaz de controlar sua ferocidade. Uma ferocidade que todos os seres da espécie exibiam deliberadamente durante o sexo, e que se traduzia em arranhões, mordidas e um louco frenesi de marca na carne da parceira".
Lachlain, rei dos Lykae está preso por séculos, em algum lugar subterrâneo em Paris que pertence aos vampiros. Seus piores inimigos, ele é um lobisomem, está acorrentado e é consumido pelo fogo dia após dia. 

Tudo muda, quando ele sente o cheiro de sua prometida, ele simplesmente sabe que é ela, esperou por séculos pela mulher que passaria a eternidade em seus braços. O cheiro dela o enlouquece, e ele sabe que precisa sair de suas amarras e ir atrás de sua companheira. Tira forças de onde nem sabia que existia, e vai procurar sua mulher.

Depois de solto, persegue o cheiro de sua alma gêmea pelas ruas de Paris. Ele está insano, e quando a mulher foge dele, não ajuda em nada para diminuir sua raiva. Quando finalmente consegue por suas mãos nela, e sente suas curvas, algo inesperado acontece, ela é o inimigo. Fria e dependente de sangue.

Emma, é metade valquíria, metade vampiro, uma híbrida. Nunca chegou a conhecer seu pai, e está em Paris, justamente para tentar descobrir o passado. Amedrontada, mas com muita coragem de deixar seu coven, Emma não está tendo bons dias, e tudo piora quando se depara com Lanchlain.
Lachlain é rude e totalmente hostil com Emma, ela por sua vez, muito tímida acaba fazendo tudo o que ele quer, morrendo de medo com o que ele pode fazer com ela.
Eu já gostei do livro de cara. E apesar de Lanchlain ser um otário e Emma uma passada, a história é muito boa. Eles se conhecem pouco a pouco, não é porque eles são predestinados a estar juntos que tudo são flores.

Isso foi o que mais me deixou animada em ler esse livro, o embate deles é incrível, claro que na medida em Emma consegue dizer não, e se impor.
As tias valquírias de Emma ,Annika, Nix, Regin, Myst e Lucia,  são um caso a parte, não consegui me controlar e soltei o riso com elas, são totalmente protetoras, e não correm de uma batalha. Aliás, elas adoram! Os personagens secundários estão ali para uma razão existe um contexto, um porque da existência dels, tem também uma amiga de Lanchlain, Cassandra, que sente ciúmes e tenta separar o casal. Tudo é muito bem encaixado, sem deixar lacunas. O que realmente me agradou.

Apesar da relação de Emma e Lanchlain ter começado da maneira totalmente errada, é notável que faíscas se soltam quando estão juntos.

Lanchlain começa a aceitar que Emma é metade vampira, e apesar disso foi predestinada a ele. Ele começa a conhece-la de verdade, e se preocupa com o seu bem estar.

A imagem que a autora passa sobre Emma é sempre que ela é frágil, muito doce e tímida. Isso vai mudando no decorrer do livro.

A mudança em cada um dos personagens começa bem sutil, nada forçado.Emma acaba surpreendendo a partir da metade do livro, nada do que você espera dela realmente acontece. 

Reviravoltas incríveis! Essa autora me conquistou e não vejo a hora dos próximos lançamentos!
Beeeeeeeeijos :*


3 comentários

  1. Nunca consegui ler histórias de vampiros x lobisomem, fadas, anjos e mundos pralelos, apesar de amar filmes assim.
    Mas essa sinopse + a sua resenha... Fiquei curiosa e tô super afim de ler!!!
    +1 pr lista que ��
    Bjs ��

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. +1 pra lista que só cresce*
      kkk

      Excluir
    2. +1 pra lista que só cresce*
      kkk

      Excluir