Projeto Duquesa - Dinastia dos Duques, 1 - Sabrina Jeffries

5 de setembro de 2021

Título:
 Projeto Duquesa - Dinastia dos Duques, 1
Autor: Sabrina Jeffries
Páginas: 256
Ano: 2021
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance de Época
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota: 
Sinopse: Lydia Fletcher é uma mulher notável. Casou-se três vezes. Com três duques. E deu a cada um deles um herdeiro, tornando-se, assim, mãe de três duques. Agora, viúva pela terceira vez, ela quer assegurar a presença de todos os seus filhos no velório de seu último marido.

Seu primogênito, Fletcher Pryde, o duque de Greycourt, se transformou, após uma infância difícil, em um homem com um coração inacessível, uma riqueza invejável e a fama um tanto injusta de libertino. Concentrado em expandir sua fortuna, ele nem pensa em casamento.
No velório de seu padrasto, Grey conhece Beatrice Wolfe, a protegida de sua mãe, uma jovem encantadora e deliciosamente franca, e fica desconcertado ao descobrir quanto eles têm em comum. Mas ela também já desistiu do amor há muito tempo, e não é o arrogante duque que vai fazê-la mudar de ideia.
Então ele concorda em ajudar a pobre mãe enlutada a preparar a atrevida moça para ser apresentada à sociedade. Assim que ela conhece de perto o verdadeiro Grey, se vê incapaz de resistir a seus encantos.


Resenha: Eu estava louca para ler este livro! Pela capa linda, pois sequer havia lido a sinopse...

Pensei que era um romance de época como tantos outros, mas nãããooo....tem um certo mistério....não muito, mas tem!

Bom, o duque de Greycourt é conhecido por ser um libertino na pior espécie, um homem que suspeitam ser o dono de uma rede de libertinagens e um péssimo partido para marido e por isso mesmo ele é um ótimo partido para as mamães casadouras!

"– O que exatamente aconteceu entre você e Bea quando estavam sozinhos? 
– Ela me colocou no meu devido lugar depois que eu agi... hum... como um idiota cheio de pompa. Sheridan deu um meio sorriso. 
– Que estranho... você agir assim..."

Pois é, riquíssimo, lindíssimo e safadíssimo, que mãe não quer para a sua filha não é mesmo? Só que o cara não quer casar, sabe que um dia vai ter que casar para produzir um herdeiro, mas não irá se apaixonar, o casamento se dará por conveniência e blá, blá, blá... aquela receita que já conhecemos nos romances de época: mocinho todo travado, que acha que não tem coração pois ele já secou depois de todo o sofrimento que passou, que não quer (e sabe) que jamais vai se apaixonar e um dia acaba conhecendo a mocinha que vai mudar sua vida!

Tudo certo nos livros deste gênero! Então Grey recebe uma carta de sua mãe, que ele não vê a anos pois tem uma mágoa para resolver, informando-lhe que seu padrasto havia morrido.

Lá vai ele com toda a má vontade que deus lhe deu para o funeral do homem, onde terá de encontrar a mãe e todos os seus meio irmãos. Cada meio irmão é filho de um duque, por consequência, todos são duques, hummm...agora eu entendi porque "Dinastia dos Duques"!

"– Não contem comigo para ensinar a ninguém como diabos funciona a maldita sociedade – rebateu ele. – E sim, mãe, “diabos” e “maldita” definitivamente não são palavras aceitáveis na sociedade. 
– Nem em lugar nenhum – interveio Gwyn. – Até eu sei disso. Thornstock deu de ombros. – Mais um motivo para Grey ser responsável por essa bobagem."

Mas bom, era de se pensar que ele não gostava dos irmãos, visto toda a má vontade para ir ao funeral lá nos confins de Londres, mas não era o caso, ele tinha uma mágoa da mãe pois ela deixou que ele vivesse com um tio abusivo, mas ela não sabia! Mas enfim, é o drama do cara afinal!

Chegando lá ele conhece Beatrice, que é prima de um dos meio irmãos e já dá para imaginar por quem ele se apaixona né?

Beatrice vive com o irmão e também tem um passado cheio de traumas, mas que eu não vou dar detalhes, claro. Mas posso contar que a criatura não tem filtro, minha nossa, ela fala o que vem à cabeça e é lógico que com Grey ela é ainda pior!

"Agora sim. Quando ela agia daquela forma, provocando-o, com os olhos brilhando, ele conseguia facilmente imaginá-la em um vestido de baile, flertando com alguém. Preferivelmente ele. 
Inferno. Ele não."

Mas tem o misteriozinho que eu havia falado...bom, o irmão de Grey suspeita de que o pai dele e o duque anterior poderiam ter sido assassinado. E o suspeito é justamente o irmão da Beatrice e provavelmente, porque não, ela!

Então para provar que a mulher que está mexendo com o seu coração é inocente, Grey vai ter que investigar esta história toda, passando assim, muito tempo com ela!

No meio do caminho disso tudo, ele vai ter que aprender a perdoar a mãe, lidar com a tia que o criou que resolveu que ele vai casar com sua filha, conquistar Beatrice e conquistar, também a simpatia do irmão irritante, e suspeito de assassinato, da amada e provar que não é o libertino dono de clube de libertinagens que todos pensam!

Foi um livro rapidinho de ler, e bem gostosinho! Não conhecia a escrita da autora e gostei bastante, apesar de achar bem simples o livro conseguiu me prender do início ao fim, além de ser uma leitura rápida e fluída é bem divertida!

8 comentários

  1. A capa deste livro é uma coisa linda de arder no coração, realmente! Mesmo que eu não tenha muita intimidade com os romances de época(culpada assumida) eu sempre fico babando. Ainda mais quando tem todo esse clichê do casamento, do casal mais improvável e claro, do sonhar com um amor assim, que acontece em meio ao caos.
    Fiquei pensando só na dona sorte abençoando essa Lydia. Três assim? Ah Jesus, me abana! rs
    Com certeza, fiquei com muita vontade ler não somente esse livro,mas os demais!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  2. Oi Denise,
    A louca dos romances de época tá on. Uhull.
    Eu não me encantei por uma nova série de romance de época mesmo com várias séries inacabadas e que nem iniciei não né....
    Kkkkk
    Assim como você, não conheço a autora mas a sinopse e a capa me conquistaram.
    Ganhei esse e já comprei o segundo livro.
    Espero que seja só um livro pra cada irmão....não tenho mais psicológico pra série longa kkkk

    ResponderExcluir
  3. A capa é realmente linda.
    Lydia é uma viúva negra. Será?!
    Dois traumatizados: paixão certa!
    Parece ser uma leitura bem gostosa mesmo.

    Danielle Medeiros de Souza
    danibsb030501@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  4. Realmente a capa é linda e e meu gênero favorito é o romance de época, então fui correndo comprar assim que entrou em pré-venda. A história é mesmo simples, mas gostosinha de acompanhar. Criei várias teorias para o mistério HAAHA Amo histórias com irmãos :) Já comprei o segundo e vou ler já.

    ResponderExcluir
  5. Olá
    Estou assistindo uma serie de época e me deliciando com os modos e costumes .
    Desde que saiu esse livro pela Arqueiro eu já coloquei elesren na minha lista de desejados .Tenho visto boas resenhas dele .E aquele clichê que tanto amo .
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Denise!
    Estou com esse livro aqui para leitura e já deu para ver que tem uma diferença grande dos que estamos acostumados a ler.
    Adoro essas mocinhas sem filtros que falam tudo que pensam.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  7. Olá,

    Primeira vez que vejo algo sobre esse livro, fiquei bem empolgada para ler. A história parece muito boa!
    Já tô shippando o casal e querendo descobrir sobre a morte dos outros

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oiii
    Eu estou doida pra ler esse livro, estou vendo bastante gente elogiar ele. A história parece ser ótima, e do jeito que eu amo. E o livro parece ser bem rapidinho mesmo de ler. Já está na minha lista, e espero ler logo 😊

    Bjss ^^

    ResponderExcluir