Notre Dame - Ken Follett

22 de maio de 2020

Título: Notre-Dame, A História de uma Catedral.
Autor: Ken Follett
Páginas: 112
Ano: 2020
Editora: Arqueiro
Gênero: Ficção, Literatura Estrangeira
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota:  
Sinopse: Em Notre-Dame, Ken Follett descreve as emoções que sentiu ao saber do incêndio que quase destruiu uma das maiores catedrais do mundo:
“A magnífica Catedral de Notre-Dame de Paris, uma das maiores realizações da civilização europeia, estava em chamas. Aquela visão nos deixou estupefatos e profundamente perturbados. Fiquei à beira das lágrimas. Algo inestimável estava morrendo diante dos nossos olhos. Era uma sensação desconcertante, como se a terra estivesse tremendo.”
O autor reflete sobre o papel que a catedral desempenhou ao longo do tempo e revela a influência que ela exerceu tanto em outras catedrais ao redor do mundo quanto em um de seus mais conhecidos e adorados romances, Os Pilares da Terra.

Este livro foi cedido pela Editora Arqueiro, porém as opiniões são completamente sinceras. Não sofremos nenhum tipo de intervenção por parte da Editora. 



Resenha:

“Français, françaises, nous partageons votre tristesse.
Franceses, francesas, nós compartilhamos de sua tristeza.”

Notre-Dame é o novo livro do autor Best-seller Ken Follett, lançamento da Editora Arqueiro, ele trás a história da catedral de Notre-Dame, uma das maiores obras da arquitetura gótica do mundo.

Ken possui uma longa história o ligando a ancestral catedral francesa, e assim como todos nós, acompanhou a tragédia do incêndio ano passado com o coração sofrendo pelo povo francês e pela catedral em si. A tragédia que completou um ano em abril deste ano ainda é uma ferida na cidade de Paris e no coração de milhares de pessoas.

“Aquela visão nos deixou estupefatos e profundamente perturbados. Fiquei a beira das lágrimas. Algo inestimável estava morrendo diante dos nossos olhos. Era uma sensação desconcertante, como se a terra estivesse tremendo.”

Este livro foi escrito rapidamente pelo autor e toda a renda está destinada aos projetos de reconstrução de Notre-Dame.

Com uma escrita muito fluida, temos brevemente a história da construção de Notre-Dame, em Paris e os principais envolvidos durante o processo que durou quase cem anos, e que durante os séculos posteriores ainda passou por diversas melhorias e reformas.

Notre-Dame, é o ponto zero de Paris e passou em seus séculos de existência por muitas guerras e tragédias, porém, permanecendo um símbolo de fé e esperança para todos os franceses.
Foi fascinante conhecer um pouco mais da história da catedral, eu particularmente sempre tive o sonho de conhecê-la pessoalmente. Afinal, como leitora ela marcou diversas histórias que li durantes os anos, Victor Hugo a teve como grande musa inspiradora para seu famoso livro o corcunda de Notre-Dame – um fato que é dito nesse livro com mais detalhes – e sua arquitetura gótica sempre me impressionou muito.

Durante o incêndio chorei vendo tantos franceses se reunindo para cantar e velar por sua catedral, e acompanhei os esforços dos bombeiros para salvá-la. Foi muito triste. 

Aqui no Brasil, também tivemos nossas próprias catástrofes com incêndios nos últimos anos, o mais recente o incêndio do Museu Nacional do Rio de Janeiro, também me deixou em prantos, ainda mais forte, já que eu tenho memórias afetivas ligada ao nosso museu, então entendo muito como os franceses se sentiram.  

“... Obras de arte. Isso sem dúvida é verdade para as catedrais. Nossos encontros com elas são repletos de emoções. Quando as vemos, ficamos impressionados. Ao entrarmos nelas, somos arrebatados por sua graça e sua luz. Quando nos sentamos em silêncio, somos tomados por uma sensação de paz.
E, quando uma delas queima, choramos...”


O livro é uma leitura interessante, principalmente para quem gosta de história e arquitetura, é curto, então uma leitura bem rápida e agradável.

Indico para todos que queiram ajudar a causa da reconstrução desse marco mundial e para quem gosta de livros sobre a história de lugares reais e suas influencias no mundo. Notre-Dame, influenciou muito, tanto na literatura sendo palco de diversas tramas, como influenciou milhares de outras construções pelo mundo. É um farol de fé e esperança em momentos difíceis.

Espero que tenham uma boa experiência de leitura e até a próxima.

12 comentários

  1. ingriD Figueiredo22/05/2020 01:38

    Esse livro é atípico do que já li do Ken Follett.
    A verdade é que o livro é um apanhado histórico e de experiências do autor e sua opinião e contribuição sobre essa que, foi e esperamos que volte a ser, uma das catedrais mais importante histórica e cultural para todos nós, mas ainda assim não pude deixar de sentir uma certa propaganda para o próximo livro do autor.

    ResponderExcluir
  2. Acredito que todos nós sofremos juntos quando vimos pela tv as imagens dessa tragédia. Se pra gente que é "de longe" já foi doloroso, imagina para quem vive ali? Para quem ia a essa Catedral e a considerava parte de si?
    Ali não estava apenas uma história, mas também um pedacinho de cada pessoa. Aliás, é assim também com cada local assim, que traz passado vivo, a nós.
    Por isso, quando vi este livro pela primeira vez, já achei muito interessante poder ter essa visão, esse amor, esse respeito.
    E é um livro relativamente curto, fácil de se ler.
    Se puder, claro que lerei!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
  3. Olá Vivian!
    É necessário elogiar todo o trabalho de pesquisa que Ken Follet realizou para a composição dessa obra, a qual é extremamente rica e nos faz querer conhecer de perto este monumento parisiense que possui uma importância artística, histórica e cultural.
    E mesmo contando com um teor mais didático, a escrita do autor é acessível e não se torna monótona, instigando-nos a querer saber mais.
    Ademais, Notre Dame expressa muito bem o sentimento coletivo de perda sentido no lamentável incêndio, tornando o significado da leitura ainda mais especial.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Olá! Ainda não tive contato com a escrita do autor, mas sem dúvida esse trabalho remete a dor de muitas pessoas, sejam elas francesas ou não, foi muito triste tudo que aconteceu a grande Catedral, e mais triste ainda ver a diferença em como o governo tratou a tragédia aqui do Rio de Janeiro no Museu Nacional, enfim espero em breve poder ter a oportunidade de vê-la (vê-los) resplandecendo novamente.

    ResponderExcluir
  5. Olá Vivian!
    Acho que todos sentimos com o desastre que acometeu esses monumentos históricos. Eu fiquei devastada também, principalmente por nunca ter conhecido Notre Dame e o Museu Nacional pessoalmente, assim como muitas pessoas. A iniciativa do autor para ajudar na reconstrução da catedral é muito boa, vou adorar conhecer mais sobre esse monumento e seu significado para o povo francês. Tenho uma amiga estudante de arquitetura que adora monumentos góticos, com certeza vou indicar o livro pra ela.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. ola Vivian
    ainda não conheço a escrita da autora
    sei que é um autor que muitos estão descobrindo agora embora ele já escreve há muito tempo
    realmente esse incendio mexeu com nossa emoções foi doloroso ver as chamas destruindo a importante catedral .
    achei linda a atitude do autor ao escrever esse livro e ler sim

    ResponderExcluir
  7. Muito triste ver um monumento ser destruído pelas chamas, ainda mais quando não se tem muito o que fazer. Só penso nas pessoas que tinham grande apreço pela Catedral o aquelas que tinham ela como cenário do dia a dia, deve ter sido uma perda muito grande.
    Gostei muito da iniciativa que o autor teve, de doar a renda do livro para a reconstrução da Catedral.

    ResponderExcluir
  8. Vivian!
    Como amo história e até tentei vestibular para arquitetura (há muuuuito tempo atrás), quero muito ler.
    Nada como uma grande paixão para nos presentear com uma verdadeira obra de arte sobre a Catedral mais conhecida da literatura e uma das mais bonitas do mundo.
    Deve ser uma viagem sensacional ler as impressões do Ken.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  9. Oi Vivis!

    Tenho grande curiosidade em conhecer os livros do autor, talvez esse seja o ideal para começar, já que possui poucas páginas e um assunto que me interessa bastante!
    Ótima resenha!

    :)

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Amei a atitude do autor de doar os valores arrecadados da venda para a reconstrução da catedral.
    Parece que foi ontem que tudo aconteceu, né?! Para mim não seria uma leitura muito fácil.

    ResponderExcluir
  11. Eu sempre tive meio que uma relação de amor e ódio com o Follet. Adoro os temas e as tramas dos livros dele, mas eu simplesmente não tenho paciência para a escrita dele, então são livros que eu acabo abandonando. Desisti de ler, por fim. Muita gente já me recomendou esse livro, mas eu sinceramente não pretendo ler, pois sei que meu santo não bate com o do autor;

    ResponderExcluir
  12. Li pela primeira vez a resenha desse livro há alguns dias e digo que amei, pelo fato de trazer conhecimento mesmo em meio a essa tragédia. Quero muito ler esse livro, se todos lessem esse livro conheceriam um pouco sobre cultura.

    ResponderExcluir