Contos da Academia dos Caçadores de Sombras - Cassandra Clare

10 de maio de 2019

Título: Contos da Academia dos Caçadores de Sombras
Autor: Cassandra Clare, Sarah Rees Brennan, Maureen Johnson e Robin Wasserman
Páginas: 504
Ano: 2017
Editora: Galera Record
Gênero: Fantasia, Ficção, Literatura Estrangeira
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota:   
Sinopse: Os Caçadores de Sombras estão de volta numa novíssima aventura. Todas as histórias são verdadeiras. E, dessa vez, Simon Lewis está pronto para contar a dele.
Numa história contada em 10 contos que revisitam o passado dos Caçadores e aponta para uma nova direção, Cassandra Clare, Sarah Rees Brennan, Maureen Johnson e Robin Wasserman presenteiam os fãs da série com uma jornada de tirar o fôlego, cheia dos personagens que todos já amam.
Simon não se lembra do seu passado, das aventuras que viveu ao lado dos amigos... Nem sequer sabe quem é, de fato. Então, quando a Academia de Caçadores de Sombras reabre, o rapaz mergulha nesse novo mundo, determinado a se reencontrar. Mesmo sem ter certeza de que quer voltar a ser aquele velho Simon de antes.
Mas o local é muito hostil e Simon acaba enxergando muitos problemas em sua nova escola. Como o fato de os alunos mundanos serem obrigados a viver no porão, ou sofrerem com as piadas e os preconceitos dos Nephilim.
Numa jornada para se redescobrir, para voltar a se reconhecer entre os antigos amigos, como Clary Fairchild e sua amada Isabelle Lightwood (mesmo que ele não se lembre desse amor), Simon vai descobrir que pode ser mais do que antes. Que seu destino como Caçador de Sombras vai muito além de sua missão de voltar a ser quem era.




Resenha:


Por meio deste, juro:
Serei a Espada de Raziel e a extensão do seu braço para combater o mal.
Serei o Cálice de Raziel e oferecerei o meu sangue a nossa missão.
Serei o Espelho de Raziel;  quando meus inimigos me virem,  que enxerguem sua face na minha.
Por meio deste, prometo:
Servirei com a coragem dos anjos.
Servirei com a justiça dos anjos.
E servirei com a misericórdia dos anjos.


Este livro foi primeira lançado como livro digital, um conto por vez, e somente após todos lançados, foram reunidos em um único livro físico. Pode conter Spoilers da saga Instrumentos Mortais e da trilogia Peças Infernais.

Os dez contos escritos pela autora Cassandra Clare, para o seu universo dos Caçadores de Sombra, ela teve como autores ao seu lado seus amigos escritores: Sarah Rees Brennan, Maureen Johnson e Robin Wasserman, repetindo a fórmula de sucesso do livro de crônicas: As Crônicas de Bane.

Para um fã dos livros de Cassandra, este é mais do que um livro presente, mais essencial. Ele é cronologicamente intermediário entre as sagas: Os Instrumentos Mortais e Os Artifícios das Trevas, porém os contos que narram a experiência de Simon Lewis para se tornar um Caçador de Sombras, trás outros raros e deliciosos presentes.

Iremos conhecer pequenos vislumbres dos personagens da próxima saga com os herdeiros de Tessa e Will Herondale da trilogia As peças infernais, a história verdadeira da origem dos caçadores de sombras meio fadas Mark e Helen Blacktorn, entre outros contos.

Porém, a trama principal é a jornada de Simon, todos os fãs de instrumentos mortais, tiveram que aceitar o fim agridoce da saga, Simon, que de um mero mundano, passara a ser uma criatura sobrenatural, e não um qualquer, mas um vampiro diurno, fez uma barganha para salvar a todos e voltou a se tornar um mundano e pior. Teve suas memórias todas roubadas.

Agora sem sequer se lembrar de sua melhor amiga Clary, ou de sua namorada Lizzy Lightwood, Simon, aceita entrar na Academia de Caçadores de Sombras, uma entidade que foi reaberta após a Guerra Maligna, para receber os jovens caçadores de sombras que ficaram órfãos e precisam de treinamento, e a todos os mundanos que possuem a visão. Já que após a guerra o numero de caçadores de sombras caiu ao ponto de que alguns institutos estão fechados.

Na academia Simon, é aceito entre os membros mais promissores, afinal, mesmo que ele não se lembre ele é um herói para mundo das sombras.

Como companheiro de quarto ele conhecer George Lovelace (sim, Lovelace! Sim o mesmo que a nossa querida Jessamine de As peças Infernais), que se torna um grande amigo.

A academia é um castelo que passou muito tempo abandonado e tem, muitos mistérios, inclusive criaturas repugnantes que tiram o sono dos caçadores em ascensão.


“- Está acordado? – sussurrou George. – Eu também. Não paro de pensar na possibilidade do gambá voltar. De onde ele veio, Simon? Para onde foi?”


Enquanto aprende as habilidades para ser um Caçador pleno, Simon, conhece as histórias do passado dos caçadores, que são os dez contos que formam o livro.

“Houve uma época, não muito tempo atrás, em que Simon Lewis estava convencido de que todos os professores de educação física na verdade eram demônios saídos de alguma dimensão do inferno que nutriam-se da agonia de uma juventude destrambelhada. Mal ele sabia que estava praticamente certo”

Cada um desses contos acrescenta algo importante a Simon, alguns deles são no presente e servem para recriar os elos que ele perdeu com suas pessoas amadas.

Um livro repleto de excelentes momentos, onde você pode compreender um pouco mais o fardo e a glória de ser um caçador de sombras.

“Você se lembra do nome do seu coração?”

Meus contos favoritos são:

O Herondale Perdido, crucial, para entendermos o quão destruidor pode ser o lema da Clave. Sed Lex, Dura Lex... A Lei é dura, mas é a Lei.

O mal que Amamos, um dos mais interessantes para conhecermos a nova geração de caçadores em treinamento.

Os Reis pálidos e a princesa, a verdadeira e triste história de um amor entre um caçador de sombras e uma fada...

Ok na realidade eu adoro cada um dos dez contos, ia desejar falar de cada um, mas ao em vez disso indico fervorosamente a leitura deles, este livro. Nos leva da alegria, a tristeza em um momento, porém, são tantas histórias que precisavam ser contadas.

Simon é um dos personagens mais divertidos, e ao lado dele temos a minha personagem favorita de Instrumentos Mortais, Isabelle que aparece bastante também.

Outro livro maravilhoso do universo dos Caçadores de Sombras.



Até a próxima.


15 comentários

  1. Olá Vivian.
    Meu coração fica apertado só de ler o nome Simon. Faz muito tempo que terminei as duas séries e a memória já está falhando, quando vc mencionou Jessamine eu demorei um pouco para recordar quem era. O universo shadowhunter é tão mágico, Cassandra nunca decepciona em suas histórias. Devem ser contos maravilhosos. Vamos combinar que todos reunidos assim num único volume é muito melhor.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline, eu amei e considero um presente lindo e essencial para o universo dos caçadores
      E concordo com você, os contos reunidos em um único livro ficam perfeitos. ❤

      Excluir
  2. Amei tanto esse livro quando saiu, ainda mais por ter esse personagem como foco. É meu amorzinho e o final dele foi triste. Mas poder acompanhar essa nova jornada e até conhecer um pouco mais dos outros personagens e historias foi maravilhoso. Aquele conto da fada, gente do céu, tem uma passagem que me marcou muito e fiquei de coração partido. Aí você vê o por trás do preconceito e das ideias da clave e fica de queixo caído. Só tem um defeito nesse livro e é o fato daquele personagem tal ter o final que teve. Eu fiquei muito indignada e triste! Ai gente :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cristiane, eu amei esse livro. Ele é tão importante, tantas peças se encaixam para dar mais vida e profundidade aos caçadores de sombra.
      O conto das Fadas é um que me deixou tão triste. Porém, como você vem citou. Nada quebrou meu coração como o fim do personagem. Ele ganhou nossos corações de uma forma tão pura que chorei mais do que mocinha em novela mexicana.

      As vezes acho que Cassandra ama quebrar os corações da gente.

      Excluir
  3. Oi, Vivian!!
    Gosto muito da série Os Instrumentos Mortais, mas ainda tenho que terminar essa série pois ainda quero muito ler a trilogia As Peças infernais esse livro que é o Contos da Academia dos Caçadores de Sombras e claro a trilogia Os Artifícios Das Trevas!! Como pode ver estou super atrasada nas minhas leituras do universo shadowhunter!! Mas acredito que vou conseguir adiantar muito as minhas leituras desse universo esse ano ainda.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marta, eum obviamente sou uma fã então estarei torcendo para que você possa ler todos os livros logo. Eu amo este universo e cada livro é ainda mais interessante.
      Boas leituras para ti 😉

      Excluir
  4. Oi Vivian,
    Recentemente eu reli os primeiros livros da série Instrumentos mortais, pois havia lido só até o livro 4 há alguns anos atrás e agora estou neste projeto de concluir a leitura da série. Não sabia que o foco de Contos da Academia dos Caçadores de Sombras era o Simon, que foi um personagem que demorei um pouco para me conectar, principalmente nos primeiros livros. Só que ele é um personagem que passa por mudanças muito significativas tanto fisicamente quanto em personalidade e estas fazem uma grande diferença para a trama. Como gostei muito da escrita da Cassandra Claire, quero ler todos os livros que se passam neste mundo dos Caçadores de sombra, inclusive este.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia Gislaine.
      Eu adorei logo de cara o Simon, apesar de que demorei em gostar dele como par da Izzy e como Vampiro.
      Mas depois de peguei amor ❤
      E esse livro é uma nova oportunidade para se apaixonar por este personagem .

      Boas leituras para ti 😉

      Excluir
  5. Olá Vivian!
    Esse livro foi essencial para os fãs que terminaram a leitura do sexto livro de Os Instrumentos Mortais em choque, até porque Simon ê um dos personagens mais queridos né? Porém mesmo que o Simon que conhecemos tenha perdido a memória, é deliciososo acompanhar sua trajetória como aprendiz na Academia, sem contar que todos os easter eggs acerca de outras séries do mundo das sombras fazem com que a leitura seja ainda mais prazerosa.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alison

      Concordo contigo, eu fiquei chocada com o destino do Simon, mas confesso que a jornada deles neste livro o tornou ainda melhor como personagem.

      Este livro é um dos meus favoritos do Universo dos Caçadores, quantas informações incríveis 💚

      Beijos e boas leituras para ti 😉

      Excluir
  6. Eu nunca leio esses livros de contos, mas os livros da CAssandra Clare são tão maravilhosos que, com certeza, valerá à pena conferir. Aliás, nem terminei de ler a série dos Instrumentos Mortais. Preciso fazer isso para ler esse de contos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nil 😄
      A escrita da Cassandra nos envolve mesmo.
      Esse livro apesar de serem contos, seguem uma ordem cronológica e se interligam. No final formam um livro fechado e coeso. Vale muito a pena ler ❤

      Excluir
  7. Olá! Olha confesso que não li essa série, por isso fique até um pouco perdida com a resenha. Apesar do grande sucesso que são esses livros, nunca me despertou aquele interesse em começar, até porque são tantos livros, que só por isso, já dá uma desanimada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elizete, eu já sou fã de uma série de livros viu, gosto de tramas que tem muitos livros, pois o autor consegue desenvolver todo um mundo e dar profundidade aos personagens e isso em Fantasia, é muito importante.
      Se um dia for ler, espero que goste tanto quanto eu.

      Beijos.

      Excluir
  8. Oiii ❤ Ahhh, amo tanto os livros da Cassandra Clare! Ela me encantou com a série Os Instrumentos Mortais. Era incrível como quando eu começava um dos livros da série eu não conseguia para de ler ❤
    Clary, Izzy, Simon, Jace, Magnus(meu favorito), Alec... São tantos personagens maravilhosos! ❤
    Tô doida pra ler esses contos, ainda mais por conta do que acontece no final de Cidade do Fogo Celestial.
    Sem dúvida, essa é a melhor série de fantasia que já li ❤

    ResponderExcluir