Uma Noite Como Esta - Julia Quinn

Título: Uma Noite Como Esta - Quarteto Smythe-Smith, 2
Autor: Julia Quinn
Páginas: 272
Ano: 2017
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance de Época
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon | Saraiva
Nota:     
Sinopse: Daniel Smythe-Smith passou três anos exilado na Itália depois de um duelo com seu amigo, o gênio matemático Hugh Prentice, e quase o fez perder uma perna. Com isso o pai de Hugh, Lorde Ramsgate, o ameaçou dizendo que se ele não saísse do país seria morto, mas um dia ele recebe a visita de seu amigo, que o libera para voltar à Inglaterra...
Ele volta justamente no dia da apresentação do Quarteto, mas encontra uma pessoa diferente ao piano (já que sua prima Sarah fingiu estar doente para não participar, Anne Wynter, a governanta das irmãs dela a substituiu), ao olhar para ela, ele fica encantado e, ao final da tortura apresentação ele corre para encontrá-la. Ao vê-la, não resiste e a beija, mesmo sem conhecê-la direito e ela, depois de um tempo escapa dele e se esconde.
Por falar em se esconder, Anne Wynter (ou melhor, Annelise Shawcross) esconde seu passado de todos, pois ela teve que se afastar de sua família, após ser enganada e humilhada por seu amado, que prometeu se casar com ela, sendo que na verdade já estava comprometido com uma mulher mais rica. Além de ter perdido a virgindade, o que já era terrível, ainda leva toda a culpa pelo que aconteceu, e por isso, ela não pode mais ter contato com a família e ela é levada para viver como governanta numa residência na Ilha de Man. Depois de um tempo, Anne foi contratada para cuidar das meninas Pleinsworth, primas de Daniel. E apesar da tentativa de manter seu passado oculto, a Lady Pleinsworth desconfiava que ela era de origem nobre e tinha motivos para negar sua criação.
Daniel, ao saber que Anne é a governanta de suas primas, resolve ir sempre à casa Pleinsworth sob o pretexto de vê-las, e sempre ia passear com elas, porque sabia que ela iria junto. E, com isso eles vão ficando cada vez mais apaixonados, mesmo que ela não adimita. Mas, o que ele não sabe, é que os segredos de Anne, vão além do tipo de criação que teve, e que agora, mais do que nunca, precisará conhecer o seu passado, pois ambos estão correndo perigo, e, desta vez, não tem nada a ver com o Lorde Ramsgate ou o duelo.

Conheça os livros da autora, já resenhados aqui no blog aqui.

Resenha: Daniel é um Smythe-Smith, foi banido de Londres pelo pai do Lorde Hugh, depois que dá um tiro na perna do amigo. Ele e Hugh estavam jogando cartas e Daniel vence, como Hugh nunca perde, além de ser extremamente inteligente, não admite que Daniel o tenha vencido, acha que ele roubou no jogo e o desafia para um duelo. Todos sabem que os duelos são mais para lavar a honra fictíciamente do que qualquer outra coisa. Sendo assim, os oponentes miram em outro alvo, mas algo dá terrivelmente errado e eles atiram mesmo um contra o outro. Hugh fica com a perna "arruinada" e seu pai não perdoa Daniel e avisa que vai matá-lo, ele então vai embora de Londres.

Três anos se passam até que Hugh finalmente consegue convencer o pai a desistir da vingança, feito isso, Daniel finalmente pode voltar para casa.

Anne é a governanta de Lady Pleinsworth, tia de Daniel. Ela toma conta das três filhas mais novas dela e mesmo sabendo que os modos da moça são bons demais para uma governanta, ela deixa passar, afinal é uma bela e educada moça, que as filhas adoram.

O Quarteto Smythe-Smith se apresenta uma vez ao ano e bem no dia da apresentação, Sarah cai doente e como a apresentação não pode ser adiada, Anne é convocada para substituir a filha da patroa ao piano e é nesse momento que Daniel chega. Ele se encanta pela desconhecida ao piano e quando a apresentação chega ao fim, vai atrás dela, para descobrir quem é a misteriosa dama.

Anne é meio estranha, ela está escondendo alguma coisa e Daniel  sabe disso, mas não quer pressioná-la, alguma coisa naquela mulher o encanta e ela também não é indiferente à ele. Vai nascendo um amor bem bonito, só que como será possível um amor entre uma governanta e um nobre? Ela sabe que é impossível, já seria se ela fosse mesmo quem todos pensam que ela é, mas com o seu passado e um perseguidor cruel atrás dela, o amor e a vida em comum com alguém se torna impossível.

Fazem oito anos que Anne abandonou sua vida e fugiu, mas o passado sempre volta para assombrar a moça e se ela quiser mesmo ser feliz, vai ter que confiar em Daniel, mas será que ele vai aceitar esse terrível segredo?

Dos dois livros da série que li até agora, eu gostei mais deste, está recheado de ação, aventuras, risadas e romance. É bem verdade que ainda continuo achando mais ameno, mais leve do que os livros anteriores que eu li da autora, mas não é uma reclamação, é mais para uma constatação, as cenas mais picantes quase não existem mas o romance, como sempre é muito lindo e não tem como não se apaixonar pelos personagens que são extremamente bem construídos, inseridos dentro de uma estória incrível. O livro é lindo, com uma capa maravilhosa, diagramação impecável e sem erros durante a leitura, que eu recomendo muito!

14 comentários

  1. Oi Denise, essa série da autora é mesmo mais tranquila que outros livros da autora, mas nem por isso menos fofa né?! eu curti os livros que li e esse de Daniel também me encantou, o romance é ótimo e temos as irmãs de Sarah que roubam a cena em diversos momentos e nos levam a rir muito <3
    Ótima resenha, ótimo livro *__*

    ResponderExcluir
  2. Olá, é ótimo saber que a série vai melhorando ao longo dos livros. Acredito que nessa a autora vai abordar mais o romance do que cenas mais picantes. Como adoro livros que contam com instrumentos musicai, fiquei louco para ler. Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Esse foi o que mais gostei do quarteto. Achei muito legal essa história. O Daniel é aquele personagem que tem um remorso, uma coisa que faz a gente querer abraçar o menino e dizer que tudo vai ficar bem e a culpa não é dele. Entende? Ahh mas gostei demais dele. Ele tem uma história interessante, forte. E a Anne é outra que adorei porque sabe como a vida pode ser difícil pra uma mulher, não é inocente e sabe o que tem a perder ao dar uma chance pra uma atração perigosa pra ela e tudo isso. Mas os dois juntos são demais! Pode não ser um desses livros mais hots da autora, mas tem um romance gostoso de acompanhar e o casal faz valer a pena. Com ação e muitos acontecimentos pra ficar ansioso com o fim da história. Foi o melhor da série pra mim ^^

    ResponderExcluir
  4. De todos os quatro livros esse é o meu segundo livro favorito do Quarteto, adorei o Daniel e a Anne, são um casal maravilhoso, me apaixonei por eles. Apesar de todas as dificuldades, eles superaram o medo e ficaram juntos.

    ResponderExcluir
  5. Oi Denise.
    O fato de que esses são livros mais leves, demostra que a autora sabe o que está fazendo, assim como sua nova duologia, trás um toque de humor sem igual. Enfim, eu adiei essa sinopse, é praticamente um spoiler ambulante, mas isso não vem ao caso, estou ansiosa para saber como vai terminar os livros e se ela dará outra chance ao amor.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Como um dos meus gêneros de leituras favorito é romance de época, sem dúvidas pretendo ler os livros do Quarteto Smythe-Smith, que bom que você gostou deste livro, e que ele tem ação e aventuras, fiquei ainda mais curiosa para conferir as histórias destes livros após ler sua resenha sobre Uma Noite Como Esta.

    ResponderExcluir
  7. Denise!
    Deu para notar que os personagens masculinos, conquistam totalmente as leitoras.
    Fiquei encantada de ver que Daniel não teve preconceito algum com Anne e tenta conquistá-la.
    O que me deixou intrigada foi a respeito do passado de Anne? Que será que aconteceu?
    Desejo um ótimo final de semana!
    “Saber quando se deve esperar é o grande segredo do sucesso.” (Xavier Maistre)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE OUTUBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  8. Os livros da Julia Quinn sempre são bons né! Já fiquei super curiosa para saber mais desse casal, e acho que vou amar os dois. Esse livro parece ser super fofo e envolvente, e parece ser um pouco melhor que o primeiro mesmo. Acho que vou amar essa série, mesmo não sendo tão boa quanto os outros livros da autora :)

    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Acho as capas de livros de romance de época muito lindas, ainda mais quando se trata dos livros da Julia Quinn, morro de vontade de ler essa série e até agora só ouvi coisas boas sobre os livros, espero poder ter a chance de lê-los em breve.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Li tantas resenhas dessa serie que me encanta cada vez que leio e me deixa super curiosa para ler. A trama é super fofa, um romance leve que amo bastante, estou, tipo ansiosa por comprar os livros e ler.

    ResponderExcluir
  11. Olá Denise! Como não se comover com a situação de Anne? Hesitante em se entregar ao amor porque foi enganada e machucada por um cretino no passado. Já estou torcendo muito por ela e Daniel e pretendo ler o livro em breve. Capa mais que linda, belíssima. Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oi Denise.
    Que bom que você mais desse livro do que do anterior.
    Já imagino qual seja o segredo de Anne rs A trama se parece muito com o livro Manhã de Núpcias da Lisa Kleypas. O Leo, nobre, também se apaixona pela governanta das irmãs mais novas.
    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Oi Denise. Que bom que gostou mais desse livro do que do anterior. Eu não tenho interesse em romances de época, é um gênero que eu não gosto de ler. Sei que a autora é muito aclamada e tem uma legião de fãs, rs, mas não é do meu gosto.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Olá Denise. Daniel é irmão da Honoria do primeiro livro não é? Pude perceber que esse parece prender mais na leitura que o primeiro, constatando pelas suas resenhas, já que ainda não li a série. Parece ser muito bom, como os romances que gosto, prefiro os mais morninhos mesmo haha
    Beijos

    ResponderExcluir