Violetinhas na Janela - Vera Lúcia Marinzeck

Título: Violetinhas na Janela
Autor: Vera Lúcia Marinzeck
Ilustração: Luis Hu Rivas
Páginas: 96
Ano: 2016
Editora: Petit Editora
Gênero: Bem estar e lazer, HQ, Literatura Brasileira, Religião e Espiritualidade
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Saraiva  | Petit Editora
Nota:
Sinopse: Violetas na Janela agora em quadrinhos! O que era bom, agora ficou melhor ainda. Com lindas ilustrações de Luis Hu, o leitor vai fazer uma viagem deliciosa pelo mundo dos espíritos acompanhando Patricinha e seus amigos.
Um dia Patricinha acordou e percebeu que não estava em casa. Viu um lugar que lembrava um hospital, mas sem barulho de hospital. Usava o mesmo pijaminha azul de todos os dias, só que aquela não era sua cama nem seu quarto. Como podia? Ela começou a ficar intrigada. É possível acordar de uma hora para outra num lugar estranho, e ainda por cima sem medo?
Pois esta é a melhor parte da história: Patricinha descobriu que nem sempre precisamos ter medo do que não entendemos. Ela conta coisas incríveis que conheceu após esse despertar, como as colônias, por exemplo, um lugar cheio de cor, bom humor e alegria, e nos convida a uma viagem deliciosa pelo mundo dos espíritos.
Resenha:

Sabe aquele livro que você lê na adolescência e guarda pra vida toda com um carinho enorme? Bem, esse foi o Violetas na Janela, livro que deu origem ao Violetinhas. Li quando tinha uns 13 anos e guardei pra vida. A história pode não estar tão fresca na memória, mas foi a primeira psicografia que li.

Quando vi o lançamento dessa maravilhosa adaptação em HQ, a única coisa que pensei foi: minha irmã vai gostar. Ela tem apenas 7 anos e adora uma boa história. Porém, apesar do colorido, da linguagem fácil e fluída, não considero o Violetinhas um livro inteiramente infantil, pelo menos não para um primeiro contato literário ou para uma criança que nunca teve alguma introdução ao espiritismo. Por esse motivo guardei o Violetinhas só pra mim. <3

Então, se você é adulto, tem muita curiosidade sobre tudo que tece o “além mundo” e nunca teve contato, essa HQ é uma maravilhosa forma de introdução. Alô Quel, essa aqui é pra você, meu amor \o/ - Ou, se você amou o livro que deu origem a essa história, como eu...

Aqui, vemos Patricinha, uma jovem que desencarnou e encontra-se num hospital (no plano espiritual), numa colônia bem próxima de sua cidade de origem. Lá, o espírito recebe todos os cuidados necessários para entender o que é necessário e evoluir.

Apesar de Patricinha possuir pais que conhecem a doutrina espírita, o primeiro contato pós morte lhe causa um pequeno susto, contudo, com muito amor e paciência ela recebe todas as energias e explicações necessárias para compreender e aceitar o fluxo da vida. Bem como adquire compreensão para lidar com seus próprios sentimentos.

Essa história é uma lição e tanto! A HQ só veio para reforçar a mensagem, assim como ilustrar aquilo que, pelo menos eu, já imaginava. Foi uma fofura ler e acompanhar todas as coloridas e vívidas imagens. Apesar da aparência dos adultos me confundir um pouquinho num primeiro contato, pois os traços os fazem um tanto infantis.

Acredito que, talvez você não entenda tão facilmente tudo o que disse, principalmente sobre desencarnar e colônia, mas já posso garantir, não precisa correr pro Google, o livro Violetinhas na Janela está aqui transbordando amor e didática pra vocês! Tenho certeza que, se você embarcar, sairá dessa pequena HQ de 96 páginas, leve e com seu coração inundado de paz.

Bjs e boa leitura :*

12 comentários

  1. Oi Jéssica, ainda não conhecia o livro que deu origem a essa HQ ou mesmo essa HQ e achei bem interessante e inicialmente através da capa eu pensei tratar-se de algo infantil, mas lendo a resenha percebi que você tem razão e que pra aquelas crianças não tiveram contato com o espiritismo o livro ainda não é indicado.
    Achei a capa fofa e a ideia criativa pra quem quer começar a conhecer sobre o tema ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato! Esse enredo é bem descomplicado e leve! A intenção é passar uma mensagem com a história de Patricinha após a morte, mostrar que o espírito é eterno e que existem coisas que nós não vemos, mas estão ali.
      É uma leitura que ilumina a mente de quem busca entender essa doutrina, enquanto funciona como uma fantasia linda com capacidade de tocar o coração até de quem não acredita!

      Excluir
  2. Leio livros espíritas, até pq tenho amigas que seguem essa religião e quis aprender mais já que eles lidam de um jeito mais fácil com a morte eu tinha acabado de perder uma amiga. Foi uma conversa confortadora, me acalmou e minha amiga me emprestou justamente esse livro. Trouxe conhecimento, entendimento para aquilo que eu não conhecia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que relato lindo!! 😍
      E falando em relato, o "relatos de uma católica" também é divino!
      Acho essa perspectiva de mundo muito linda, da uma razão muito grande pra tudo isso aqui na terra...

      Excluir
  3. Jéssica!
    Já li Violetas na Janela e Vivendo no Mundo dos Espíritos, gostaria de terminar a leitura da série.
    Quanto A violetinha...achei o máximo fazer uma HQ voltada para o público infantil, que traz boas ilustrações e mostra de forma mais acessível para o entendimento a história.
    Desejo uma semana maravilhoso!!
    “O primeiro passo para a cura é saber qual é a doença.” (Provérbio Latino)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE SETEMBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rud, que mensagem linda e inspiradora essa que vc deixou aqui!!
      Adorei!
      Espero que outras pessoas leiam esse provérbio e sintam-se tocadas como me senti.
      Bjs ❤️

      Excluir
  4. Oi
    Guria to céu to chocada com esse quadrinho! hahaha
    Eu li Violetas na Janela quando eu era adolescente, lá no lançamento do livro. Achei uma amor lançarem em HQ. Ai que saudade que me deu lendo você contar a história. Certamente, vou comprar!
    Bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaaah, então você me entende!!
      Quando vi essa HQ só pensei que a queria! 😍
      E olha, é muito, muito fofa! Vc vai amar!

      Excluir
  5. Olá, tudo bem?
    Acho que nunca li nada desse gênero e fiquei encantada ao sabor que é um gêreno espirita e ainda num livro infantil. Gostaria de ler, pois quase não sei nada sobre o assunto.
    Adorei a resenha, beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que esse livro é um ótimo primeiro contato com o gênero. Acredito que vc pode gostar bastante! ❤️

      Excluir
  6. Olá!
    Confesso que quando eu era criança não tinha lido esse livro e nem tinha conhecimento sobre a história. Eu não sou tão fã de HQ mas alguns me agradam bastante pela história, os quadrinhos bem trabalhos, eu realmente fiquei bem interessada por esse e apesar de não conhecer a trana, fiquei apaixonada pela história que contou.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As únicas HQs que li eram os da turma da Mônica 😂
      Meu tio tinha muitas HQs de super heróis, tudo em capa dura, eu era louca pra mexer, mas ficam no alto...
      KkkkkkKkkkkk
      Garanto que as cores vividas desse quadrinhos irão te agradar.

      Excluir