Resenha: Um Lugar Para o Amor (Irmãos Devaney - 1) - Sherryl Woods

Autor: Sherryl Woods
Páginas: 256
Ano:2016
Editora: HarperCollins Brasil
Gênero: Literatura Estrangeira, Romance
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota:   
Sinopse: Ele vivia na solidão do passado... Mas não tardaria para o presente invadir seus dias!
Abandonado pelos pais e separado dos irmãos, Ryan Devaney jamais deixou que alguém se aproximasse demais. Afinal, as pessoas não ficavam por muito tempo Mas sua sorte muda quando a porta de seu bar irlandês é escancarada por uma ruiva intensa e apaixonada pela vida. Maggie O'Brien decide que chegou a hora de derrubar de uma vez por todas a muralha de gelo em torno do coração de Ryan. Ele insiste em afirmar que não acredita no amor, mas o sorriso radiante e o toque carinhoso de Maggie fazem com que mude de ideia pouco a pouco. Um espírito solitário que encontra conforto... O despertar de sonhos há muito esquecidos... Ryan se dá conta de todo o tempo perdido e agora seu maior desejo é reencontrar os irmãos. Mas ele estaria pronto para aceitar o desafio de Maggie, e reservar dentro dele um lugar destinado ao amor dela - para sempre?
Resenha: 
Pensem em um livro delicioso! Ah, aquele que você se imagina lendo em um dia chuvoso tomando uma xícara de café. Nunca havia lido nada da autora, e me surpreendi totalmente com a leveza da escrita.

Ryan é um homem sexy, misterioso, fechado de diversas maneiras. Totalmente prestativo. Maggie é diferente de tudo que Ryan já conheceu,cheia de vida, sua curiosidade o incomoda, afinal ele gosta de sua privacidade.
"Na verdade prometia se tornar um incomodo. Mas também era afetuosa e generosa, um verdadeiro raio de sol."
Quando o pneu de Maggie fura ela acaba entrando em um bar irlandês, e conhece o padre Francis e Ryan. O padre, acaba pedindo que Ryan seja um cavalheiro e leve Maggie em casa. Ela por sua vez, se vê totalmente intrigada por Ryan, e está decidida a conhecer melhor esse homem tão misterioso.
"- Não seja tão lépida em despedaçar os sonhos de um velho homem ou descartar a ideia do destino- repreendeu o padre.- Algo me diz que o destino influenciou o curso dos eventos desta noite. Seu pneu poderia ter furado em qualquer outro lugar, mas onde aconteceu? Bem em frente ao melhor bar irlandês de Boston. Agora, vamos entrar e tomar a bebida que Ryan lhe prometeu para aquecê-la antes de levá-la para casa."
Nunca li um livro sequer, em que a mocinha é tão decidida em suas escolhas. Tão decidida que um homem vale a pena.Isso me instigou, eu também nunca li um livro em que um homem seja tão difícil. E quando digo isso, quero dizê-lo literalmente. A interação dos dois por diversas vezes segue seu curso apenas por Maggie ser muito paciente e persistente. Ela sabe que Ryan sente algo por ela, mas também sabe o quanto isso pode ser difícil para ele.

Ryan foi abandonado por seus pais, que o deixaram sozinho em casa junto com seus dois irmãos mais novos. Ele se sente abandonado, e seu maior medo é que Maggie faça a mesma coisa, que ela descubra o quanto ele é sem graça. Qualquer interação com a família de Maggie o deixa desconfortável, aliás, interação com qualquer família. Os O'Brien são muito carinhosos e unidos. Quando eles aparecem na trama, deixam sua marca de leveza e diversão.
"Afinal, o homem possuía uma boca que qualquer mulher em pleno gozo de sua sanidade mental imaginaria imediatamente ter colada à sua. Sim, de fato, Ryan Devaney era o protótipo do homem que personificava a fantasia feminina. Uma fantasia muito perigosa."
Resolvi sair da minha zona de conforto, que é ler em sua maioria, romances eróticos. Quis ler algo diferente. E imaginem o quanto me surpreendi com esse livro, que de diversas formas, nos faz pensar, na dor, decepção e sofrimento que é causado, quando uma criança é abandonada.

Livros que abordam esse assunto em sua maioria, mostram um cenário cheio de arco íris e amor. Pois sempre, a criança abandonada acaba por ser adotada por uma família feliz. O que não é caso aqui. Ryan teve apenas o padre Francis como seu porto seguro, seu medo de ser abandonado novamente o deixou fechado, ele tem uma vida cheia de regras, mas Maggie chega derrubando pouco a pouco suas barreiras, mostrando o quanto sua vida é vazia e sem luz.

Um romance delicioso, que te faz repensar esse assunto tão doloroso que é o abandono de uma criança. Apesar do livro ser lindo, de mais maneiras que posso citar, achei que a autora trabalhou bem a mudança de Ryan, mas quando ela aconteceu tudo foi muito corrido. Fiquei imaginando que se ela tivesse explorado mais a personalidade de Maggie poderia ter deixado o livro mais divertido. A história de Ryan começa a ser explorada, mas acaba por não sabermos de fato o que vem a seguir, imagino que isso será história para os próximos livros.
Não deixem de ler ! Beeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeijos :*


Nenhum comentário

Postar um comentário