Resenha: O Romance Inacabado de Sofia Stern - Ronaldo Wrobel

Autor: Ronaldo Wrobel
Páginas: 256
Ano: 2016
Editora: Record
Gênero: Romance brasileiro
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon, Saraiva
Livro cedido pela Editora para resenha
Nota:    
Sinopse: Ronaldo Wrobel une o contexto histórico a uma trama repleta de cenas memoráveis e ironia fina, construindo um dos thrillers mais instigantes do ano. Ronaldo vive em Copacabana com a avó, Sofia Stern, que nasceu na Alemanha em 1919 e fugiu para o Brasil na véspera da Segunda Guerra. Certo dia, recebe o telefonema de uma juíza alemã às voltas com um processo judicial que pode torná-lo multimilionário. Com a descoberta de um diário, Ronaldo reconstitui a juventude da pacata senhora, revelando peças de um passado que envolve paixões, inveja, traições e dinheiro. Quando outros fatos vêm à tona, Ronaldo se depara com uma série de dilemas. Resta saber o que ele prefere: ficar rico ou fazer justiça.

Resenha: Primeiro livro que leio desse escritor.

Tenho me surpreendido muito e algumas decepções com livros brasileiros, mas este é um romance que tem muito suspense e de tirar o fôlego. Não tinha lido nenhum, assim.

Realmente fui surpreendida com tamanha façanha que o escritor usou.

A sinopse já diz um pouco sobre a história, porém o livro fica entre capítulo do diário de Sofia nos anos que ela viveu em Hamburgo e tudo o mais que aconteceu, bem como seu pai que a adotou mesmo sendo judia e católica na época e mesmo ele sendo um homem que perde a visão e continua batalhando para trabalhar e sustentar sua humilde casa e sua filha.

Sofia torna-se amiga íntima de uma alemã (Klara) e acaba enfrentando muitas coisas para provar que essa amizade é forte o bastante. Entretanto não é só amizade que as une. Ambas nutrem inveja uma da outra em diferentes coisas.

Amizade com o tempo se fortalece, mas Sofia apaixona-se por... por? Pelo irmão de Klara e ela vê um momento íntimo deles. O que não nada legal. Na verdade, que a desagrada, pois seu irmão não é lá muito fácil de lidar.

Ou seja, entre idas e vindas ao passado e o presente, tudo diverge. Será que Hugo está vivo? Será que Sofia está viva? Como a irmã de Hugo morreu? Será que essas joias foram deixadas para Sofia?

Só lendo essas e outras perguntas serão respondidas.

Tenho que dizer novamente que esse romance é fantástico. Ainda estou tentando achar uma palavra melhor para descrevê-lo, mas está difícil.

Super-recomendado.

Nenhum comentário

Postar um comentário