Luz, Câmera, Ação : Hush - A Morte Ouve

Título: Hush, A Morte Ouve
Elenco: Kate Siegel, John Gallagher Jr., Michael Trucco
Ano: 2016
Classificação : 18
Gênero: Terror, Suspense
Direção: Mike Flanagan
Nota:       
Sinopse: Madison "Maddie" Young (Kate Siegel), é uma autora que perdeu a audição depois de um ataque de meningite aos 13 anos, vive isolada em uma pequena cabana na floresta, sobrevivendo do dinheiro da venda de seus livros. Sua amiga e vizinha Sarah (Samantha Sloyan) a visita um dia para devolver uma cópia de um de seus livros, e naquela noite, é perseguida de volta para a cabana de Maddie por um homem mascarado (John Gallagher Jr.)..
Resenha: E depois de finalmente ficar anos sem assistir um filme de terror que me agradasse , a netflix salvou minha vida e me deu a oportunidade de assistir a esse filme de terror que depois de várias decepções seguidas com filmes do gênero, conseguiu me agradar;

Aqui veremos a história de Maddie, ela vive sozinha em uma cabana na floresta (sempre isso né gente? o que esse povo vai fazer nessas cabanas na floresta sem ninguém por perto? eles não assistem filme de terror?),só que Maddie teve miningite com 13 anos e isso resultou na sua perda de fala e  audição, além disso ela é escritora e se mantém com o dinheiro da venda do seu primeiro livro, mas o dinheiro está acabando e ela precisa terminar o próximo mas está totalmente empacada no final.Ali por perto mora também um casal, Sarah e John.

















Numa noite qualquer vemos Sarah ser perseguida por um homem mascarado, e pedir socorro a Maddie em sua casa, porém pelo fato de não ter a audição, Maddie não consegue ouvir os gritos de socorro de Sarah e sua amiga é assasinada, mas ai o assasino percebe a condição de Maddie e decide usar isso para também fazer com ela o que fez a Sarah, e ai começa todo o pânico que veremos em 70 minutos de filme.

Esse filme tem um dos climas mais tensos que já vi na minha vida, eu realmente não saberia o que fazer se estivesse no lugar da personagem, pois o assasino poderá entrar a qualquer momento e você não pode sequer ouvi-lo ou gritar por socorro ( o que seria ínutil, já que você mora no meio do mato),então o filme conseguiu me deixar com a mesma sensação de pânico e agonia da personagem,mas eu adorei o fato dela não ser aquele estéreotipo de personagem feminina de filme de terror que vai direto para onde o assasino está e morre nos 10 primeiros minutos do filme.


















A personagem construída é muio forte e inteligente, e como ela mesmo diz, ela possui uma "mente de escritor", antes de fazer qualquer movimento ou plano para fugir do assasino ela pensa em quais consequências aquilo pode ter e se ela realmente conseguiria fugir assim. A tragétoria dela até o final é extremamente surpreendente, quando acaba o filme você realmente fica orgulhosa de tudo que ela fez para sobreviver ( ou não ).

Confesso que ele não é aquele filme de Terror que vai te matar de susto e não deixar você dormir a noite, ele tem aquele ar de suspense psicologico que vai te dar uma angustia do começo ao fim,pois o que o assasino faz com a vítima percebemos que tem um teor psicologico imenso, em uma das falas ele diz "Eu posso entrar e te matar a qualquer momento, mas só irei fazer isso quando você se cansar e realmente quiser morrer", e ele consegue colocar esse sentimento na personagem, a vontade de não querer mais viver se for para continuar passando por aquilo,Então façam como eu e corram para a netflix para assistir esse filme maravilhoso e me contem o que acharam, beijos e até o próximo filme.


13 comentários

  1. Oi Gabriela! Não gosto de filmes de terror sobrenatural, mas acho que gostaria desse filme, já que ele usa terror psicológico. Certamente eu também ficaria bem angustiada assistindo, mas fiquei curiosa em saber se a mocinha conseguirá ou não se livrar das mãos do assassino.
    Beijos,
    sigolendo.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Gabriela! Tudo bem?
    Vou ser hiper sincera...odeio filmes, livros e séries de terror. Não gosto de ler, ver ou ouvir histórias de terror. Sou muito impressionável e por mais que eu saiba que tudo não passa de ficção, não consigo convencer meu cérebro dessa informação. Pra finalizar, sou uma medrosa! rsrsrs
    Bj

    ResponderExcluir
  3. Oiii Gabriela, como vai?
    Menina tu acredita que ontem mesmo eu olhei esse filme no youtube e tava igual louca querendo saber o nome, procurando em tudo que lugar. Eu quero assistir de novo com toda certeza <3
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Meninaa, eu poderia até fazer como você e correr para assistir, maaaas, não suporto terror. kkkkk. Confesso. MORRO DE MEDO!!
    Vou passar essa dica!

    beijoos!
    http://estantemineira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi, Denise! Parece ser um filme daqueles de dar pulos no sofá!rs
    Já assisti muuuuito filmes de terror, curtia muito aqueles sobrenaturais, mas o tempo me deixou meio chata com esses filmes...rs...Embora eu ainda prefira um desse gênero do que comédia! Gostei das suas observações sobre as coisas óbvias de todo filme de terror e do esteriótipo da personagem. Parabéns pela resenha! ;)

    Bjs,
    Yohana Sanfer
    http://www.papelpalavracoracao.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Apesar de não ser muito fã de filme de terror esse chamou minha atenção. Acho que foi pelo fato de a personagem não ser bobinha e o terror ser mais psicológico. Vou procurar para assistir, adorei a dica!

    ResponderExcluir
  7. Gabriela, não assisto filme de terror por motivos de trauma de infância.
    Confesso que só de ver a primeira foto já me deu uma coisa ruim, mas para quem curte o gênero deve ser uma boa.

    ResponderExcluir
  8. A Netflix salvando nossas vidas hehehehhehehehe velho, é o meu dinheiro mais bem gasto, juro. Eu não conhecia o filme e fiquei curiosa e já com medo. Também fiquei curiosa para saber ao certo o que é ‘mente de escritor’ rsrsrsrsrs achei o termo gozado para se referir a pessoas inteligentes.

    ResponderExcluir
  9. Olha preciso ver esse filme, fiquei curiosa. Queria saber por que todo escritor em filmes tende a se isolar em lugares assim. kkkk Mas isso da uma clima a mais de tensão na história. Adorei a dica. Bjs

    ResponderExcluir
  10. Olá, Gabriela,
    Assisti esse filme e pensei como você. Como uma pessoa vai morar num lugar como esse, sozinha e com deficiência auditiva?
    Passei o mesmo sufoco que a protagonista!!

    Bjos.

    ResponderExcluir
  11. Eu adoro filmes de terror e sou viciada neles, mas alguns que assisto acaba decepcionante, sabe. Já tinha visto a sinopse desse aí, e fiquei interessada, penso que seja bom, mas só assistindo pra saber, né?! Eu espero levar um baita susto (é disso que gosto mesmo), vou chamar na Netflix!
    Beijo <3

    ResponderExcluir
  12. De tirar o fôlego! Gosto de ver resenhas de filmes em blogs literários, mas isso parece que acontece pouco, não é?
    Ótimo post!

    ResponderExcluir
  13. Oieeee. Eu gostei bastante deste filme porque é aquela coisa de não poder fazer muito já que ela tinha limitação e estava no meio do nada... e quando ela tinha ajuda.... ai, dá uma agonia!

    ResponderExcluir