Resenha: Não se Apega, Não (Livro 1) - Isabela Freitas

Autor: Isabela Freitas
Páginas: 256
Ano: 2014
Editora: Intrínseca
Adicione: Skoob

Sinopse: Desapegar: remover da sua vida tudo que torne o seu coração mais pesado. Loucos são os que mantêm relacionamentos ruins por medo da solidão. Qual é o problema de ficar sozinha? Que me desculpe o criador da frase “você deve encontrar a metade da sua laranja”. Calma lá, amigo. Eu nem gosto de laranja. O amor vem pros distraídos.

Tudo começa com um ponto-final: a decisão de terminar um namoro de dois anos com Gustavo, o namorado dos sonhos de toda garota. As amigas acharam que Isabela tinha enlouquecido, porque, afinal de contas, eles formavam um casal PER-FEI-TO! Mas por trás das aparências existia uma menina infeliz, disposta a assumir as consequências pela decisão de ficar sozinha. Estava na hora de resgatar o amor-próprio, a autoconfiança e entrar em contato com seus próprios desejos.

Parece fácil, mas atrapalhada do jeito que é, Isabela precisa primeiro lidar com o assédio de um primo gostosão, das tentações da balada e, principalmente, entender que o príncipe encantado é artigo em falta no mercado.

Isabela Freitas, em seu primeiro livro, narra os percalços vividos por sua personagem para encarar a vida e não se apegar ao que não presta, ainda assim, preservando seu lado romântico.
Resenha:


Pense em uma pessoa atrapalhada, que acredita no príncipe encantado e que procura em cada homem esse cavaleiro de cavalo branco, sim é assim que vejo Isabela Freitas em seu primeiro livro, após muito procurar e errar bastante a garota acabou por criar um livro sobre a sua vida de piriguete, que sim, ela foi isso durante TODO o primeiro livro. Vou explicar melhor.

Em Não Se Apega, Não, Isabela Freitas nos conta um pouco de sua vida, desde o momento em que começa e termina relacionamentos até a criação do blog para desabafar e o lançamento do livro. 

Entre um relacionamento e outro a loira procura um príncipe encantado para viver o felizes para
sempre, mas que surpresa desagradável seria ela encontrar sapos pelo caminho? Confesso que no começo não gostei do livro, é fato afirmar que a Isa é uma piriguete que troca e troca de namorado, sempre achando só os caras errados.   Para contar um pouco dos seus dramas de novela mexicana ela cria um blog, sim pessoal, ela começou como blogueira e olha onde chegou.

Continuando, no blog ela conta como é desastroso se apaixonar por qualquer um que apareça e e dá dicas de como se proteger, sendo que nem ela mesma consegue fazer isso. É um auto-ajuda às avessas, afinal ela não segue nada do que fala, menina maluquinha.

As Regras do Desapego são essenciais para a risada e de certo modo pensarmos se esta certo isso ou não, afinal tudo que ela viveu nesse primeiro livro tem um ou outro caso que nós mesmos passamos, amores errados, amizades falsas e acima de tudo ela correu pelos seus objetivos, mesmo que na brincadeira de escrever Isabela acabou publicando um livro, foi além do que todos falaram que não iria dar certos.

Para finalizar, gostaria de ressaltar que o livro é mais pra dar risada, só que por trás de tudo isso tem algumas lições que podemos tomar. Não lembro exatamente se foi neste ou no próximo, que tinha uma citação do antigo chefe dela, ele disse que ela nunca seria capaz de publicar uma coisa dessas, que não servia pra ser escritora, uma pessoa que não tem qualificação. Sim ele disse isso neste livro agora me lembro.

No segundo ela deu uma resposta digna para aqueles não acreditavam em sua capacidade. Ela disse que acima de tudo ela acreditou e chegou lá. Então porque nós simplesmente iguais a ela não podemos conquistar e realizar nossos sonhos?

  Fica a dica, não digo para levar a sério tudo que ela diz assim ou pra acompanhar as regras do desapego, o povo do tumblr adora elas, só tem fotos e quotes sobre isso, mas digo para repensarem seus conceitos assim como eu o fiz com o livro, vendo que não é porque não gostamos da primeira vez que tentamos que na segunda será o mesmo. Não foi uma perda de tempo, afinal foi uma leitura gostosa e que me relaxou e fez rir em tempos que não conseguia mais ler nada pesado como é do meu costume.

   Espero que tenham gostado, faz algum tempo que fiquei sem escrever aqui, tive alguns imprevistos com meu not, só agora pude voltar.

Xoxo

    

23 comentários

  1. Oieeee
    Tudo bom?
    Nossa meio controverso esse livro, ela dá as dicas, mas não segue elas??? Como pode isso???
    Olha tenho ele e a continuação aqui e pelo visto vou ficar chateada lendo eles.
    Gostei muito da sua sinceridade na resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Serve pra passar o tempo Michelle, não é lá aquela leitura que tu pensaria em recomendar como um livro ótimo, MAS pra descontrair vale a pena, ao menos pra dar risadas.
      Xoxo

      Excluir
  2. Eu também dou dicas, mas não sigo quase nada, então já me identifiquei com o livro hahaha. É bom ver blogueiras crescendo e realizando seus sonhos, me dá um ânimo \o/. Gostei da resenha ^^

    www.imaginaivy.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Somos duas Ivy, sempre dou dicas, mas faço totalmente o contrário, fazer o que. Hehehe
      Sim, espero um dia lançar os meus livros também.
      Xoxo

      Excluir
  3. Tenho vontade de ler esse livro só por dar risadas mesmo, me falaram que algumas situações são bem engraçadas.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pense na novela mexicana com mais drama e o toque de uma brasileira sem noção nenhuma, são esses os ingredientes do livro Helana, leia e ria bastante, ainda mais percebendo que uma coisa ou outra pode ter acontecido com você também.
      Xoxo

      Excluir
  4. Oi.

    Nunca li esse livro. Até tive vontade de compra uma vez, mas acabei desistindo, quando saiu a série no Fantástico, quis assisti, mas também não consegui, fico sempre na dúvida se leio ou não.

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi Kammy
    Tenho uma certa vontade de ler esse livro, porque já vi entrevistas da autora e imagino que o livro seja super divertido, mas interessante saber que existe coisas para pensar também.
    Beijinhos

    www.poyozodance.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oii
    Nunca li nada dessa escritora, tenho vontade de ler esse livro mas sempre acabo deixando de lado e me encantando com outros livros. Adorei sua resenha😊

    ResponderExcluir
  7. Olá! Que pena que vc não gostou tanto. Eu tenho curiosidade em ler, parece ser um livro leve, divertido e engraçado. Muitas de nós procuramos o príncipe encantado, mas realmente não está fácil, sei por experiência própria e de diversas amigas também. Algumas são mais reservadas, mas acho que todo grupo de amigas tem uma louca que sai fazendo test drive em vários até achar, se é que acha hahahaha. O lance é saber aproveitar a vida e ser feliz. Acho que as coisas acontecem quando tem de acontecer. ^^
    Bjo
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
  8. Olá!

    Não consigo gostar desse livro. É bem auto ajuda, que é um gênero que não gosto. Enfim, não faria essa leitura, mesmo você dizendo que é bem gostosa e tranquila, além de trazer boas lições.

    ResponderExcluir
  9. Oie
    que pena que você não curtiu tanto a leitura, eu li faz um tempinho e achei bem legal, nada demais ou marcante mas gostoso para passar o tempo, dar umas risadas e essas coisas, bela resenha

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oie, tudo bem? Eu já imaginava algo do tipo do livro: ela é uma garota insegura que sofreu por alguns peguetes, criou um blog pra desabafar e não sendo suficiente ela escreveu uns textinhos meio tumblr e resolveu publicar, pra ser a nova "Clarice Lispector" das menininhas inseguras de 15 anos, dando conselhos que nem ela segue. O livro pode ser engraçado e até confesso que quero ler, mas sabemos que a realidade é esta. E os textos dela nem são tão bons assim hahaha, quero ler por pura curiosidade mesmo.

    ResponderExcluir
  11. Não faz meu estilo esse livro, até dei uma olhada na série que passou no fantástico, mas tive a mesma impressão que vc. Como pode alguém dar dicas e só fazer as burradas que ela faz... Bem, como disse, não é meu estilo de livro e nao o leria nem se vc tivesse dito que é a melhor coisa do mundo, porque acho essas coisas de dicas amorosas o Ó, pois cada um difere do outro e cada um ama diferente do outro... enfim... kkkkkk... Ainda acho que foi boazinha dando 3 estrelas.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  12. Oi, li o livro ja tem algum tempo, mas ainda não li a continuação. Eu adorei as frases ele.

    http://mysecretworldbells.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Hello!

    Nunca li nada da Isabela Freitas, mas seus livros nao me chamam atenção.
    Já as capas eu acho fofas demais.
    Nao tinha lido as resenhas sobre os livros delae gostei de conhecer mais sobre o livro Não se Apega.
    Mas ainda sim nao leria nada da autora, nao é meu estilo de leitura.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  14. Oie, já vi muito sobre ela, mas nunca cheguei a pegar uma de suas obras. Não sei se leria esse livro, mas como vc disse para passar o tempo é mesmo uma boa pedida

    Beijos da Fê
    As Catarina´s / Fanpage / Instagram

    ResponderExcluir
  15. Olá. Eu estou louca para ler esse livro, já tive uma fase assim e passou, ainda bem, mas quero muito ler mesmo assim rs
    Eu não sabia que ela era blogueira não, eu só vim saber aqui, Só conhecia o livro por capa e todo mundo postando foto das páginas, isso que me deu curiosidade.
    Agora, sobre o chefe dele dizer que ela não era capaz, deve ter sido ótimo pra ela poder mostrar o contrário.
    Adorei.
    Beijos

    http://casinhadaliteratura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Esse livro é um sucesso huauha Apesar disso, nunca o li e preciso confessar que não o leria. Ele nunca me chamou a atenção e esse tipo de livro não faz o meu ''tipo'', então é algo que eu não leria. Mas diante do sucesso dele, acredito que muita gente tenha gostado. Não é só porque não faz nosso tipo que algo é ruim, né?
    Abraços!
    http://blogladoescuro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi..
    Eu acompanhava a Isa no twitter e gostava muito, mas deixei de lado e nem sei o porque.. Quanto ao livro, nunca me interessei p ler, sei lá..
    Mas confesso, sempre que vejo ele em promoção me dá uma "coceirinha' p comprar..
    Adoro as capas, a do segundo é mais linda ainda..
    abraços.

    ResponderExcluir
  18. Esse não é um tipo de livro que me chama a atenção ou desperta o interesse em ler, mas acho muito legal a informação de ela ter iniciado com um blog de desabafo.
    Admiro-a por não ter desistido do sonho de publicar, mesmo com pessoas falando que ela não conseguiria. Perseverança é algo admirável.

    ResponderExcluir
  19. Olá... tudo bem??
    O livro não faz muito o meu estilo de leitura, porém...devo dar o crédito a autora que deve escrever muito bem... pois sempre leio resenhas positivas e bem divertidas a respeito do livro e parece que o livro é mais para entreter e dar boa risadas... claro que deve ter um pouco de seu fundo de verdade, mas o legal é que você curtiu... já vi muito esse livro nas mãos de leitores nos ônibus... Xero!!!

    ResponderExcluir
  20. Oii,

    Tenho esse livro aqui na estante e estou bem curiosa em ler. Mas confesso que antes não tinha nenhuma pretenção em lê-lo, mas achei a autora bem doidinha e engraçada, então lhe dar uma chance. Gostei da sua resenha e espero gostar do livro também.

    beijos

    ResponderExcluir