A Mais Bela de Todas - Serena Valentino

1 de julho de 2019

Título: A Mais Bela de Todas
Autor: Serena Valentino
Páginas: 272
Ano: 2016
Editora: Universo dos Livros
Gênero: Aventura, Romance, Fantasia
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota:    
Sinopse: Ela é a primeira vilã da Disney. Apesar da beleza exuberante, é invejosa e extremamente má. Capaz até de pedir a um caçador o coração da doce e ingênua princesa do reino, ela chega a envenenar uma maçã para conseguir se livrar de sua rival. Mas toda história tem dois lados, não é verdade? Será que você conhece realmente a origem da Rainha Má? Este livro vai te contar uma história desconhecida até então. Ela é sobre amor e perda, com uma pitada de magia. Descubra aqui o que se esconde por trás do olhar enigmático da mais bela de todas.


Este livro foi cedido pela Editora Universo dos Livros, porém as opiniões são completamente sinceras. Não sofremos nenhum tipo de intervenção por parte da Editora. 

Resenha: Olá, tudo bem?? Que saudade de vocês!!!!

Volto com mais uma resenha da Serena Valentino, aquela autora da qual eu quero ler até a lista de compras kkkkkk.

Conheci a escritora através da leitura de Mamãe Bruxa (resenha na imagem abaixo), que conta a história da bruxa de Rapunzel... desta vez venho com a leitura de A Mais Bela de Todas, a história da Rainha Má de Branca de Neve.



A novidade nestes livros é que eles não nos contam aquilo que já sabemos sobre as vilãs destes amados contos de fadas mas sim a origem delas e como a maldade é inserida na vida de cada uma delas... Embora tenhamos personagens que aparecem em todos os livros (ao que me parece, as três irmãs Martha, Ruby e Lucinda são um ponto de ligação entre as bruxas, me fazendo acreditar que em breve ficarei com vontade de conhecer mais sobre elas....), eles podem ser lidos em ordem aleatória sem o menor problema (eu mesma comecei numa ordem totalmente "bagunçada"!) e sem comprometer os enredos e cenários.



A história começa antes que nossa conhecida Rainha Má conheça o Rei e Branca de Neve... Ela vive com seu pai (sobre quem teremos informações importantes e algumas surpresas no decorrer na leitura), um fabricante de espelhos, famosos por sua beleza; tendo sua reputação ultrapassado fronteiras e sua arte sendo tão respeitada, o rei se sente tentado a conhecer as obras deste artesão. No retorno, o Rei observa uma jovem singela e tímida que está tirando água de um poço e ao descobrir que é a filha do artesão, retorna várias vezes desde então, a cada dia se encantando mais com a docilidade e a beleza daquela moça... Logo após a partida do Rei, seu pai vem a falecer e a vida desta jovem modifica como se ela desabrochasse para o mundo.

"Era como se, ao deixar esse mundo, seu pai houvesse levado com ele toda a escuridão e deixando-a em um lugar onde ela pudesse ser capaz de encontrar, se não o amor e a felicidade, pelo menos algo mais do que ela tinha tido até então."

O Rei, sabendo de sua perda, retorna e encantando como estava, a visita várias vezes e, por fim, a pede em casamento. Ao se mudar para o castelo, a jovem conhece a filha do Rei, Branca de Neve, e se encanta pela menina à primeira vista, tomando para si a responsabilidade de criar e amar aquela linda e frágil garotinha.


"Branca era de fato uma menininha encantadora, uma criaturinha adorável; isso apertava o coração de sua madrasta, como se a beleza da criança a machucasse profundamente. Quando tomou Branca de Neve em seus braços, a Rainha foi preenchida por um amor que jamais experimentara."


Porém, pouco tempo após o casamento, recomeçam as viagens do Rei em batalhas contra outros reinos e a Rainha, se vendo só, começa a procurar distrações e lembra de abrir alguns presentes de casamento que estavam guardados, se deparando com nada mais nada menos do que um dos espelhos de seu pai.

A partir deste momento as coisas começam a mudar e embarcamos na verdadeira origem de toda a maldade que conhecemos nessa vilã.

"Ela temia a rejeição porque era muito diferente de qualquer pessoa que já conhecera. Era tão cheia de medo que se afastara de tudo e de todos."


Um livro de leitura rápida, envolvente e muito interessante no quesito dos motivos que fazer com que uma pessoa de boa índole seja levada a se tornar um poço de maldade, inveja e vaidade extremas. Me reforça a idéia de que nem todos os vilões nascem maus mas algum gatilho os leva a ser como se tornam em determinado momento na vida (até hoje, só me deparei com vilões assim.... que despertaram sua maldade a partir de um evento traumático ou de influência do meio em que estão e das pessoas que os cercam).

"Seu amor por minha mãe era tão grande... Talvez sua alma tenha morrido com ela, na noite em que deixou este mundo. Ainda assim, tudo que restou nele foi pura maldade."




Mais uma leitura feita em e-book que me deixou com vontade de ter os livros físicos na minha estante para serem relidos e fazerem parte de minha biblioteca pessoal. As edições da Universo são sempre primorosas e com uma revisão impecável.

Aguardem em breve mais resenhas desta série!!!!!


12 comentários

  1. Oi Fabby 😘😘😘
    Que livro interessante. Amo essa dualidade que existe na alma das pessoas. O mesmo pendor para o bem como para o mal.
    Outro livro de origem da maldade dos vilões que me interessa.
    Você já assistiu Once Upon a Time? A série? Temos a origem da maldade da Rainha Má também.
    Adoro a serie ❤
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Olá! Eu estou muito empolgada com essas histórias, já tinha ficado super interessada no outro livro e com esse não foi diferente. Acho que torna o personagem mais humano (por mais que estejamos falando de ficção), mostrar essa outra parte da história e de como as pessoas podem mudar de acordo com alguns acontecimentos.

    ResponderExcluir
  3. Oi Fabiola,
    Para ser bem honesta nunca pensei na origem da Rainha Má quando criança e olha que sempre gostei muito da história da Branca de Neve. Acho que toda história tem mesmo 2 lados, mas sempre nos é passado só um deles e é nele que temos que confiar. Claro que eu já suspeitava que a Rainha não havia nascido com a maldade enraizada e seu coração, mas não imaginava que sua história inicial foste uma onde ela gostasse e se importasse com a Branca de Neve. Se na infância não fui apresentada a nenhuma história de origem dessa personagem, na fase adulta pude conferir filmes e séries (como Branca de Neve e O Caçador e Once Upon A Time) onde ela é muito bem explorada, tanto pelo lado bom como pela maldade, o que só me deixou mais curiosa pela personagem. Gostei dessa indicação e nem sabia que fazia parte de uma série, mas fiquei bem interessada nessas obras.

    ResponderExcluir
  4. Teresa Syllos01/07/2019 20:34

    Oi Faby gostei muito tb desse livro! ����

    ResponderExcluir
  5. Adoro essa ideia de mostrar os vilões assim, com sua parcela de humanidade e como as coisas desandaram tanto pra eles. É legal ter essa ideia de nem sempre nascer mal, não ser ruim a vida toda. Que algo pode influenciar isso. Gosto muito dessa vilã por ter aquelas coisas da inveja e imagem e como isso deixa uma lição pra gente. Ver o começo de tudo é bem legal. A coisa do espelho e de como a inveja foi surgindo aí na história é bem interessante. E um livro fácil de ler também. Pra pegar e se jogar. Adoraria ler.

    ResponderExcluir
  6. Olá Fabiola!
    Releituras de contos de fadas costumam nos fazer enxergar essas clássicas histórias através de um novo ponto de vista, e nesta obra temos a oportunidade de entender e até simpatizar com a Rainha Má. Não fica claro na resenha o que a levou a ascender ao mal, contudo percebe-se que a personagem passou por várias situações que culminaram na sua evolução para a tão conhecida vilã. Escrita de Valentino parece ser bastante dinâmica e agradável de acompanhar, logo a leitura deve fluir muito bem.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Olá Fabíola!
    Acho que a Rainha má é a mais conhecida vilã dos contos de fadas e a que eu mais gosto também. Estou adorando acompanhar as resenhas da série e concordo que a maldade desses personagens é algo que não os acompanha desde o início, e sim resultado de uma grande decepção ou sofrimento. Aqui podemos ver que a vaidade foi algo passado de pai para filha. Estou ansiosa para saber quais os protagonistas dos próximos livros.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oii
    Tenho os dois primeiros livros da série na estante mas nunca li acredita? E é que amo histórias que se baseiam em contos de fadas!
    Ainda não conheço a escrita da Serena Valentino, mas pelo que você contou fiquei bem curiosa haha
    A Rainha Má é uma das minhas vilãs favoritas, então acho que vou gostar muito de acompanhar a história dela até ela se tornar o que se tornou.

    ResponderExcluir
  9. Oiii ❤ Adoro essas releituras que contam a história pelo ponto de vista da vilã, geralmente tudo que mostra outro lado de uma mesma história me agrada.
    Acho legal que esse livro vai contar coisas que não sabíamos sobre a Rainha Má e que começa antes dela se casar com o rei.
    Triste que no começo ela gostava da Branca de Neve e depois, passou a odiá-la e que antes de ser malvada era uma boa pessoa. Dá até pra trazer um pouco disso pra realidade.
    Obrigada pela indicação de leitura ❤

    ResponderExcluir
  10. Olá!! Nunca li nada da autora mas depois da resenha fiquei bem tentada a ler esse livro, principalmente por amar essas histórias. É muito interessante conhecer os 2 lados da história de uma pessoa e entender o porque dela ter se tornado o que se tornou, e poder saber mais sobre os 2 lados da Rainha Má me deixou muito curiosa. Espero ter a oportunidade de lê-lo ainda esse ano.

    bjs!

    ResponderExcluir
  11. Show esse livro, para tudo tem uma història desconhecida e eu tenho a curiosidade para saber. Curti a resenha e tenho certeza que vai ne surpreender muito por gosta das històrias de fantasia que ouvia na infância. Mais uma livro para comprar.

    ResponderExcluir
  12. Eu adooooooro livros que retratam o lado dos vilões!! Eu ainda não tive tempo de ler oslivros da autora, mas eles tem me chamado bastante a atenção. Gostei de saber que são bons e envolventes!!

    ResponderExcluir