Resenha: Eu Sou Jack, o Estripador - James Willoughby Carnac

Autor: James Willoughby Carnac
Páginas: 312
Ano: 2016
Editora: Seoman
Adicione: Skoob
Livro cedido pela Editora para resenha

Sinopse: Em Whitechapel, em 1888, pelo menos cinco mulheres foram brutalmente assassinadas e mutiladas. O assassino tornou-se conhecido como Jack, o Estripador. Houve muitos suspeitos, porém ninguém foi preso pelos crimes. Este livro apresenta um novo suspeito a partir de um manuscrito redigido nos anos 1920 por James Willoughby Carnac. O texto abrange desde a sua infância até a sua morte, e contém informações que nunca foram divulgadas. Além disso, os acontecimentos da época e a geografia de Whitechapel, em 1888, são descritos com total precisão, tornando James um convincente Jack, o Estripador. Para completar, o motivo oferecido por ele, para ter se tornado um assassino, nos faz crer que seu relato é puramente genuíno. Seria este livro a verdadeira confissão de Jack, o Estripador, ou um extraordinário romance muito bem escrito?

Resenha publicada também no Blog Historiaterapia

Resenha: Um dos maiores assassinos em série da história? Como ele matava? Porque ele matava? como ele vivia? Onde ele vivia? Afinal de contas quem foi Jack, o Estripador? Todas suas perguntas sobre ele podem ser respondidas nesse livro (ou pelo menos, formar mais perguntas).

Eu Terminei de ler esse livro e fiquei um pouco pensativo sobre o que acabara de ler, pois ele é muito convincente mas ao mesmo tempo duvidoso, então resolvi fazer uma resenha tendendo mais para a minha área profissional (História) afim de conseguir abordar as coisas mais importantes para que você leitor não fique confuso ao ler este livro, caso se interesse por esse assassino sádico.

Como toda autobiografia ela começa com a sua infância, que pelo que li e e pelo conhecimento básico que temos em assassinos em série, foi conturbada, parece também que sua infância pode ter sido em torno de 1860, pois no livro ele cita bem no início que está escrevendo ele aos seus 69 anos que seria em torno de 1928 (isso não é spoiler ok, é evidente no livro) o suposto assassino se nomeou James Willoughby Carnac (seria seu nome verdadeiro? seria um nome inventado para começar a autobiografia, pensando também em não prejudicar sua família que ainda existe?).

Após contar sua infância, ele aborda sua "adolescência" que também não foi calma, ele começa a ter gosto pelo macabro e seus sentimentos parecem começar a sumir e ele por sua vez, a ficar mais frio, já em sua fase adulta, ele vai para a faculdade de medicina (a anos todos acham que Jack pode ter sido médico ou teve conhecimento da anatomia humana, até aí nenhum mistério) no entanto ele mostra seu "amor" insano pela garganta e pelo sangue, e como todos sabem ele começa a matar insanamente no ano de 1888, ele explica como abordou as vítimas, porque matava apenas aquelas e o que fazia depois de matá-las, se você se pergunta se ele dá os detalhes mórbidos de seus assassinatos está enganado, ele apenas conta como as escolheu e como agiu mas não dá detalhes, exceto pelos locais que ele as matou, ele dá detalhes completos, confesso que fiquei muito ansioso em dizer que este livro é mesmo de Jack mas em base no que li não posso afirmar isso, mas não fique triste eu também não posso afirmar que não é dele, ele deixa um ponto de interrogação gigante na sua cabeça.
"- Oh, meu Deus! - vazou uma espécie de grito sufocado por entre meus dedos; e então a golpeei rapidamente para baixo. Senti o corpo dela estremecendo rapidamente e os calcanhares baterem contra o chão de madeira. Golpeei-a de novo e de novo. E então puxei o bisturi..." 
No livro você encontra análise de 3 pessoas que o leram em primeira mão, são eles: Alan Hicken, Paul Begg (historiador de crimes), e nas notas explicativas do livros vemos Sydney George Hulme Beaman (ele teria sido o testamenteiro de Carnac, no entanto à controversas que acham que ele escreveu o livro se inspirando na história de Jack, ou que ele era o Jack? É bom vocês lerem o livro e pensarem bem).

No início do livro você tem tem um mapa para consultar os assassinatos e os demais lugares que Jack possa ter passado, na metade do livro você encontra fotos das vítimas e dos locais onde elas teriam sido encontradas, no final do livro você também encontra fotos do manuscrito real para não deixar dúvidas sobre a autenticidade desse livro.

O livro é muito bom, a capa nem se fala... fantástica... A diagramação é bem boa, além disso não encontrei nenhum erro ortográfico, dá a impressão de que foi escrito em uma máquina de escrever, além do livro ser tranquilo de ler em qualquer momento, não é cansativo, primeira vez que li um livro assim e gostei bastante achei extremamente intrigante. Recomendo para os historiadores, não irão se arrepender.

36 comentários

  1. Uau! Eu já ouvi falar do assassino mas realmente nunca pesquisei a história dele e fiquei mais curiosa para saber. Gosto muito de estudar a mente de serial killers, acho fantástica! Vou ler o livro.
    Abraços.
    Leitora Encantada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já pesquisei sobre esse assassino, foi um cara muito inteligente, e ter esse manuscrito é simplesmente fantástico....

      Excluir
  2. Olá
    Me interessei muito por esse livro, sou quase uma colecionadora de relatos sobre Jack, exitem tantas teorias e eu adoro ficar tecendo meus prós e contras sobre cada narrativa.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então não se preocupa em comprar esse manuscrito e aumentar a coleção kkkkkk é muito bom.

      Excluir
  3. Sempre achei o Jack Estripador um personagem com grande potencial para se transformar em livro, filme ou série, mas o que foi feito até agora não parece fazer jus a lenda. Esse livro parece ser muito bom, ainda mais por nos colocar dentro da cabeça do suposto assassino.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim realmente um assassino realmente astuto e inteligente merece um filme digno, mas falta muito por isso né .... O livro é bom sim se você comprar não vai se arrepender.

      Excluir
  4. Oii Rodrigo, tudo bem?
    Sou completamente louca para realizar a leitura dessa obra, sou uma grande fã do Jack e acredito que essa obra ficaria linda na minha estante, além do mais sua resenha está ótima.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse livro é ótimo na estante com certeza, falo por experiência própria kkkk, a leitura é muito boa.

      Excluir
  5. Tenho O Diário de Jack, o estripador e cara, a história desse serial killer é muito doida.
    Curti saber que tem outro livro que fala dele. Acredito que essa obra que você leu é bem convincente.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tu tem esse diário meu Deus, eu não tenho ele, vai gostar de ler esse então...

      Excluir
  6. Outro livro que fala sobre o Jack? Caramba, são tantos rs. Curto ler sobre essa lenda, se isso foi mesmo uma lenda. Agora vou ter que conferir esse livro e ler pra saber como é.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah isso é normal muitos se inspiram nesse assassino formidável, então a quantidade de obras dele são imensas, mas creio que tudo dessa história se torna importante para se manter por dentro desta "lenda".

      Excluir
  7. Oi meu anjo,

    Me dar um abraço? hahaha
    Adoro tudo que fale de Jack, o estripador hehe
    Esse fascínio se deu desde que assisti um filme que retratava a vida do assassino quando eu tinha 13 anos e comecei a ler sobre a personalidade e loucuras que ele fazia. A mente humana é uma baú a ser aberto para descobrimos os mistérios que são guardados lá que podem ser bons ou maus.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A mente humana é realmente uma surpresa e um tanto controversa se depender da pessoa, no livro você enxerga a maldade, mas é uma leitura ótima.
      beijos!
      ta abraçada kkkk

      Excluir
  8. Ooi! Vish, que tenso rs Eu não conhecia muito da história, mas é muito bizarro mesmo, além de que não costumo ler autobiografias, muito menos com essa pegada psicológica. Sua resenha está muito boa, parabéns! Espero que tenha boas leituras :D
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu comecei a ler autobiografia a pouco tempo e experimentei essa, gostei bastante...
      Obrigado!

      Excluir
  9. Oi!
    Caraca! Nunca li nada parecido, mas já ouvi muitas histórias. Eu leria sim esse livro, parece ser bem intrigante! Vou até anotar aqui haha'
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anota aí pois vale a pena mesmo kkkkk
      Abraço!

      Excluir
  10. Oioi! Tudo bem?
    Nunca pensei que ficaria interessada no livro Eu Sou Jack, o Estripador.
    Eu ja tinha visto o lançamento dele, mas agora lendo a resenha que fiquei mais curiosa pra saber mais da historia.
    Gostei da capa e acho que vou gostar tanto qto vc.
    Beijos

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai gostar mesmo, é um livro que te deixa pensando do início ao fim sobre esse suposto "James Carnac". Eu gostei bastante.

      Excluir
  11. Olá!

    Um livro bem controverso. Gosto de biografias, mesmo essa não sendo auto (ou será que é?), leria sim, pelo que percebi parece ser leve, apesar de ser um assassino em série. Adorei a resenha, me interessei mesmo por ele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele realmente deixa duvida nessa questão de "autobiografia de Jack". Uma leitura muito boa e não é pesado não, acho que você irá gostar se ler.

      Excluir
  12. Olá,
    Uau, fiquei bem curiosa para saber mais sobre a história, já tinha escutado algumas coisas sobre o assassino mas nunca tinha me interessado em pesquisar sobre o assunto. Adorei a sua resenha e irei anotar a sua dica. =)

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, nunca tinha lido nada de um assassino (se é que foi ele quem escreveu!) mas gostei bastante.
      Beijos!

      Excluir
  13. Olá, tudo bem?

    Gostei muitoooo da premissa do livro, e claro que entrou para minha lista de desejados. Espero poder ler em breve. Não conhecia esta editora, mas achei muito interessante o tema do livro. Leio alguns livros sobre serial killers, e não sou apaixonada por eles como muitos são, pelo contrário,fico chocada e me perguntando como alguém pode ser tão louco, mas estas leituras fazem eu perceber que devemos sempre temer as pessoas. Adorei a dica. Super anotada.

    Abraços
    http://chalecult.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato não é uma leitura para idolatrar um assassino mas entende-los pois o verdadeiro mal não é o que não enxergamos e sim o próprio ser humano, devemos sempre teme-los, uma ótima leitura, espero que goste.

      Excluir
  14. Oiii!!!

    Eu não conhecia esse livro ainda, na verdade só a capa. Mas eu não conhecia esse enredo.
    Eu não sou fã desse estilo e acho que é mais pesado do que estou acostumada.
    Minha amiga está fazendo um TCC sobre esse tema é vou passar a dica para ela.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii!
      Olha é um ótimo livro, e acredito que sua amiga vai ter um TCC ótimo com essa leitura tão intrigante, eu aprovo hein.

      Excluir
  15. Olá.
    Nunca li um livro assim. E não fazia ideia que esse livro era uma autobiografia, pensei que era outra pessoa que havia escrito o livro contando a vida de Jack. Mas enfim... isso é algo duvidoso também, certo?
    EU não sei se teria coragem de ler o livro, e sei que existe um filme também, que nunca assisti kkkk, enfim, mas admito que a curiosidade é grande.
    Adoreii sua resenha, muito bem escrita.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim eu estava muito curioso em saber como era o livro, até finalmente recebe-lo e ler com uma vontade tão grande que eu devorei ele, não me arrependi nem um pouco, ele é duvidoso mas não uma duvida que você fala: Não, esse livro não é de Jack?
      E sim aquela pergunta: Foi o Jack?

      Excluir
  16. oie!
    É tão bom quando o livro nos conquista ,né? Só pela resenha, já deu para notar o quanto gostou do livro, e com certeza deve ser uma ótima leitura. Eu ainda não tive a oportunidade, mas vou anotar para comprar. Muito bom!
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim esse livro realmente me conquistou, eu não esperava tanto dele e a cada palavra que li foi uma surpresa enorme, uma leitura ótima sem contar que é histórico.
      Bjs!

      Excluir
  17. Olá Rodrigo, tudo bem?
    Achei essa parte engraçada: "(...) pois ele é muito convincente mas ao mesmo tempo duvidoso (...)".
    E também confesso que foi essa mesma parte, a responsável por eu colocar o nome desse livro na minha lista.
    Quanto a sua resenha, gostei da forma como a conduziu. Sempre achei a história do Jack Estripador, esse assassino em série não-identificado e todo o mistério em torno dele, de nunca ter sido desvendado, simplesmente fascinante. E agora vem um autobiografia... é, chega ser realmente interessante.
    Abraços.
    http://www.viciadosemleitura.blog.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Você quando ler vai ver que é muito convincente e duvidoso também kkkkkk, além da leitura chamar muita a sua atenção e fazer com que devore ele.

      Excluir