Resenha: Não se Iluda, Não. (Livro 2) - Isabela Freitas

Autor: Isabela Freitas
Páginas: 272
Ano: 2015
Editora: Intrínseca
Adicione: Skoob

Sinopse: Depois de passar um ano sem namorado, Isabela está determinada a realizar o grande sonho de ser uma escritora reconhecida. Resolve dar os primeiros passos anonimamente, criando um blog onde assina como 'A Garota em Preto e Branco'. Em seu diário virtual, ela desabafa, fala dos amigos, dos não tão amigos assim, e confessa suas aventuras e desventuras amorosas. Assunto é o que não falta. Durante uma temporada agitada em Costa do Sauípe, na Bahia, acompanhada por Pedro, Amanda e sua insuportável prima Nataly, Isabela conhece o irresistível Gabriel, um sujeito praticamente perfeito, a não ser por um pequeno detalhe... Entre shows e passeios na praia, Isabela precisa admitir para si mesma que sente uma atração cada vez maior pelo seu melhor amigo. Em seu segundo livro, Isabela Freitas dá sequência às histórias dos personagens de 'Não se apega, não'. Dessa vez, com a cabeça nas nuvens e os pés firmemente no chão, a personagem Isabela vai em busca daquilo que seu coração realmente deseja, mesmo quando seu caminho é bem acidentado e cada curva parece esconder uma nova surpresa.


Resenha: 




O que eu não dava pra pagar a minha boca não é. Um ano atrás quando lia o primeiro livro da Isabela Freitas (resenha aqui) , achei uma perda de tempo, é podem me apunhalar, mas não dei nada pra escrita dela, mas voltei a ler recentemente e peguei o segundo pra completar a escrita.
"Diz que não acredita no amor para ver se o amor acredita nela"

Diferente e também igual ao Não se Apega, aqui nós continuamos vendo a vida da Isa seguir após o lançamento do livro, ter uma carreira de escritora e os conflitos de um relacionamento que não era pra dar certo, afinal a vida dela é uma novela mexicana mais enrolada do que muitas por ai.

Sabe aquele amor que é o seu par perfeito, mas a vida conspira contra? Exatamente isso que seguimos na trajetória da Isa, confesso que ela ainda é meio imatura e sempre faz merda, sério ela mete os pés pelas mãos e se mete em cada confusão, mas isso é engraçado as vezes, deu aquele toque de você estar conversando com sua melhor amiga doidona que sempre te faz rir ao contar da sua vida, na minha realidade eu seria essa amiga doidona.

Pedro e Gabriel qual escolher? É a vida dela tem um triângulo amoroso que só complica as coisas, ainda mais tendo uma falsiane da vida real que quer ferrar com ela e quase consegue (sem spoilers).


Como sabemos ela começou como blogueira (igual a nós) com o blog Garota em Preto e Branco, onde ela desabafa e conta sua vida em posts como diário virtual, queria a fórmula dela pra conseguir tantos seguidores e tantos views em tão pouco tempo, pra nós é um sufoco conseguir um único comentário, imagina então virar um blog modinha e famosinho? (Ps.: Digo isso dos meus, já que o EPL é um dos tops que sigo e admiro, sem ser puxa-saco).

Ok, então temos sabotagem, conflitos de sentimentos entre amizade, amor e um pouco mais de confusão, afinal a vida dela é cômica. Mas não posso dizer mais se não estraga o livro, recomendo para aqueles que gostam de dar boas risadas e se aventurar em um mundo bem adolescente apesar dela ser já adulta.
Em comparação com o primeiro achei que este teve um avanço um tanto quanto significativo.

Xoxo

6 comentários

  1. Ainda não tive a oportunidade de ler nenhum dos livros da Isa, mas sempre vejo feedbacks positivos de Não se Apega não. Eu já tinha visto esse novo algumas vezes, mas essa é a primeira resenha.

    Frases, Trechos e Pensamentos

    ResponderExcluir
  2. Eu e o primeiro livro não nos demos muito bem, então fico um pouco com o pé atrás para pegar o segundo. Essa coisa de negar o que sente ou no que acredita para ver se as coisas mudam me parece tão... imaturo. Não sei... Não me agrada muito.

    ResponderExcluir
  3. Olá linda,

    Eu desisti dos livros da Isa porque é enjoado os livros. Não consigo passar da página 30 porque é algo que leio tanto em revistas e afins que fica muito repetitivo, mas indico para o público jovem.

    Beijos,
    poesiaqueencantavida.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi, eu li o primeiro livro, o "Não se apega, não" e achei bem legal por ser uma escrita despreocupada e divertida e por acompanhar a vida maluca da Isa e pretendo ler esse agora, e como você disse, que esse teve uma evolução na escrita, então eu acho que vou gostar mais ainda, mas que pena que você não gostou do primeiro, eu particularmente, adorei.
    bjus
    http://recantoliterarioeversos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oie

    Eu não consegui ler o primeiro, por isso tenho receio de tentar o segundo. Mas como vc falou que teve um avanço significativo até me deixou curiosa para conferir. Vamos ver se arrisco!!

    bjs
    Fernanda
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Confissão 1: eu não conhecia esses livros até o meio do ano passado!
    Aí vem a sua resenha falando que o segundo melhorou em relação ao primeiro e vem àquela vontade de ler só para saber se o livro vale esses seguidores todos que tem!!

    ResponderExcluir