A Maldição do Mar - Shea Hernshaw

1 de maio de 2021

Título: 
A Maldição do Mar 
Autor: Shea Hernshaw
Páginas: 320
Ano: 2021
Editora: Galera Record 
Gênero: Fantasia, Ficção, Jovem adulto
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota: 
Sinopse: Quando corpos de garotos começam a aparecer no litoral da cidade de Sparrow, alguns moradores se perguntam se a antiga lenda sobre as bruxas vingativas seria verdade. Mas até onde essa caça às bruxas pode levar?
Há dois séculos, três irmãs foram condenadas à morte por, supostamente, cometerem bruxaria. Pedras foram amarradas em seus tornozelos, e elas morreram afogadas nas águas profundas que margeiam a cidade. Agora, por um breve período de tempo – a cada dia primeiro de junho até o solstício de verão –, diz a lenda que as irmãs retornam, roubando os corpos de três meninas para que, por meio deles, possam buscar sua vingança, seduzindo e afogando meninos até a morte. Como muitos habitantes locais, Penny Talbot, conhece a lenda de cor.
Mas, neste ano, quando a cidade se prepara para o anual retorno das irmãs, um rapaz desconhecido, Bo Carter, chega à cidade buscando suas próprias respostas. E Penny o acolhe. Mas quando corpos de meninos locais começam a aparecer no litoral, o clima de desconfiança e medo atinge a cidade, dando início a uma verdadeira caça às bruxas. A narrativa alterna, os eletrizantes eventos do presente com relatos do diário das jovens condenadas por bruxaria, resultando em um thriller sobrenatural inesquecível. 

“Equilibrando emoção delicada e suspense autêntico, a narrativa hipnótica traz os leitores à questão de como – ou se – a maldição das irmãs pode ser quebrada.” – Publishers Weekly 

“Uma história com substância e profundidade, sobre magia e maldições, traição e vinganças, mas, acima de tudo, sobre o poder redentor do amor.” – Amber Smith, autora best-seller do New York Times

“Prepare-se para ser enfeitiçado.” – Paula Stokes, autora de Girl Against The Universe

“Uma história mágica e assombrada sobre o mar, feitiços e segredos... Cuidado!” – Shannon Parker, autora de The Rattled Bones.



Resenha:


“A morte não é fogo, é um frio tão forte que parece arrancar a carne dos ossos...”

A Maldição do Mar é uma fantasia da autora Shea Ernshaw, cuja publicação é lançamento da Editora Galera Record! 

Eu fui fisgada pela capa belíssima desse ebook, e após a leitura o livro entrou na minha lista de desejados físicos, pois além, da capa que amei e história me ganhou! E tem um farol nesse livro, e sou simplesmente apaixonada por faróis. Acho tão poético a presença de uma luz que guia as pessoas em meios as atribulações e perigos 🖤

Por 200 anos, uma cidade à beira-mar chamada Sparrow carrega uma maldição. Os verões chegam ano a ano e lotam a cidade de turista para a Temporada Swan, os moradores desprezam toda a comoção dos turistas que vêm em busca de provas da maldição. Mas para eles é apenas uma lenda. Para quem vive na cidade é um temor real. 
Seus filhos, irmãos, maridos... todos eles estão em perigo! Todos os anos!

No passado três irmãs foram mortas afogadas, acusadas de serem bruxas, as irmãs Swan sofreram uma morte impiedosa e agora retornam todos os anos em busca de vingança, pelo menos essa é a lenda que todos conhecem e serve para explicar por que todos os anos, misteriosos afogamentos acontecem na cidade durante a temporada.

“Seu destino descansa no fundo de uma xícara de chá...”

Penny, é uma jovem que mora segregada dos demais, isolada em uma ilha, morando apenas com sua mãe e um farol de companhia, ela sonha com um futuro que nem sabe que deseja, e nessa temporada sua vida vai mudar. Penny acredita na lenda das irmãs Swan, então quando um jovem desconhecido chega a cidade no primeiro dia da temporada e acontecimentos a levam a o conhecer ela o abriga na ilha, na esperança de o proteger da maldição.




A história é bem fluída e uma leitura deliciosa. Principalmente, porque a autora descreve os ambientes de um modo que podemos vivenciar os locais. A ilha, o farol, os pomares, tudo é descrito de um jeito que eu pude visualizar de forma perfeita em minha mente.

“Seus pequenos bolos desmemoriados eram concebidos para fazer qualquer um esquecer da pior coisa que já havia lhe acontecido...”

A trama em si, não me surpreendeu, eu juntei rapidamente algumas pistas e após isso os acontecimentos foram se desenrolando como eu imaginava! Exceto o final! Que difere bastante dos finais típicos de fantasia para o público jovem adulto. Foi poético, mas já aviso que pode ser meio agridoce.

Apesar de ser um livro com o termo maldição no nome, e ser uma fantasia, a trama se encaixa muito com um drama romântico. 

“... Ao que parece, o amor é o pior tipo de loucura.”

Temos duas linhas temporais na história uma no presente com Penny, Carter e os demais personagens, e outra no passado com as irmãs Swan, que vai aos poucos nos mostrando as múltiplas camadas do que aconteceu com elas. 

“Meu coração se quebra. Os cacos se espalham pelo chão, caem pelas frestas no assoalho de madeira.”

Eu gostei da trama, e do modo como os elos de amizade, lealdade e família foram traçados. 


A história fantástica pode não ser inovadora ou o foco principal, mas sua mitologia foi bem desenvolvida, os personagens foram bem escritos e achei muito inteligente como ela foi criando a atmosfera de segredos e tensão e amei como a autora encerrou o livro.

Outro ponto importante é que o livro é único. Não iremos sofrer à espera de um novo livro!

“O amor é uma feiticeira insidiosa e selvagem. Ela espreita, suave e gentil, antes de cortar a sua garganta.”

Indico para quem gosta de tramas com fantasia, romance, e jornadas de vingança. E para quem como eu, ama um livro com o ambiente insular!

Já disse que amo faróis?

Vou deixar a imagem de um dos meus favoritos e que um dia ainda vou conhecer pessoalmente 🖤


Este é o Farol de Tourlitid, na Grécia. Ele está na costa da ilha de Andros e é um dos locais que ainda vou visitar! Lindo não?

Até a próxima 😘

8 comentários

  1. Maravilhoso o farol!E juro que achei tão poético a forma como você o descreveu, sobre uma luz que guia as pessoas. Nunca havia pensado nisso rs
    Adorei!!
    Quanto ao livro, eu pensei que era mais algo relacionado a suspense e terror, por conta das bruxas vingativas e me deparo com uma fantasia e uma história de amor e sim, pelo que entendi, recomeço.
    Com certeza, é um livro que já vai pra listinha dos mais desejados!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  2. Acho faróis tão lindos e misteriosos!
    E eu Que não leio fantasia me encantei pela sinopse! E principalmente pelo toque romântico

    ResponderExcluir
  3. Essa é a primeira resenha que leio desse livro!!
    To doida pra ler ele!
    Gostei das observações que fez da historia.
    É livro unico neh!
    Curiosa pra ler!

    ResponderExcluir
  4. Olá Vivian
    Aí que lindo esse farol !!tamb em nunca tinha pensado sobre os faróis sob essa perperctivas que você mencionou achei lindo .
    Está aí uma fantasia que fiquei com muita vontade de ler já que você mencionou que está pode ser considerado como um drama romântico e o fato de ser volume único.
    Espero sinceramente que você consiga conhecer esse local táo lindo .

    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Nunca vi nenhuma resenha desse livro, mas tô adorando receber dicas de fantasia nesse estilo, sabe? Abri minha mente pra esse gênero nesse novo ano e estou amando as minhas leituras.
    A sinopse deixa a gente com uma curiosidade enorme ne? Gostei muito da resenha, por mais que você tenha dito que também se encaixe como um drama romântico, além de fantasia.
    Lindo farol mesmo!

    ResponderExcluir
  6. Vivian!
    Amo faróis também e já anotei esse da Grécia. Aqui temos o Farol do Cabo Branco e antes da pandemia, íamos muito por lá, agora é esperar acabar a pandemia para voltar.
    Quanto ao livro... amei a capa também, lindíssima.
    Gosto de trama que traz vários estilos e aqui ainda tem um romance para acrescentar e lenda com bruxas, nem dá para deixar de ler, né?
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  7. Olá! Lindo mesmo! O que eu mais gostei da história é saber que se trata de um livro único e assim não vou precisar sofrer pela continuação (risos), afinal já me basta sofrer para saber como será esse final hein, fiquei um tanto assustada.

    ResponderExcluir
  8. Olá, Vivian

    Quando o assunto é fantasia, confesso que não curto livros únicos, sinto que acabam não desenvolvendo muito bem a história.
    Fiquei com vontade de ler esse, a capa é muito boa!

    Beijos

    ResponderExcluir