Resenha Híbrida - Mari Scotti



Híbrida
Autora: Mari Scotti 
Ano: 2013 
Editora: Novo Século

Sinopse:
Por toda vida Ellene teve a sensação de ser diferente de seus irmãos e dos moradores de sua vila, pois não adquiriu características de lobisomem como era esperado, e afastava-se cada vez mais desta natureza. Com um espírito rebelde, resolve desvendar o passado em busca de sua verdadeira origem. O que não planejava era entrar no meio de uma rixa entre vampiros, a raça que aprendeu a temer e odiar desde menina. Para piorar, seus pesadelos voltaram: sonhos com um homem misterioso de olhos ameaçadores, envolvido por uma densa neblina. Há quase cem anos a rainha dos vampiros fora sequestrada e seu marido, Milosh, desde então busca incessantemente encontrá-la. O tempo é escasso e as autoridades do Conselho desejam eleger um rei omisso e cruel em seu lugar. Na tentativa de tardar a mudança, ele se une a maior inimiga da rainha. Qualquer erro pode condená-lo a morte e subjugar todos os seus iguais. Ellene e Milosh mal sabem que o que buscam os colocará frente a frente, em uma trama de intrigas, poder, amor e ódio.


Resenha:

Booom, demorei, mas enfim acabei por me render aos encantos da doce Ellene. 

Antes de conhecer a Mari, vendo sua obra pelas redes sociais, eu jurava que era um Crepúsculo "abrasileirado", nada contra...eu gosto tá?! Por ter vampiros e lobisomens eu pré julguei sem ler (por que eu faço isso gente???), mas não é não!!! E digo mais, apesar de saber que a autora tem uma quedinha (inha?) pela história de Edward Cullen, não vi nenhuma passagem no livro dela que lembrasse nem de longe Crepúsculo!!! Preciso dar o crédito à Mari quanto a isso, essa loucura saiu todinha da cabeça dela!!!

"O que você faria se o sangue que corre em suas veias 
fosse o mesmo do seu maior inimigo?"

No primeiro livro da serie Neblina e Escuridão conhecemos essa ruiva linda e misteriosa....sim, a autora envolveu sua vida em um mistério empolgante, já que ela é adotada por uma família de lobisomens....ah pois é! Só que de cara, bem no começo da estória vemos sua mãe lhe dando um suco vermelho e que só ela na casa gosta....hein????

A menina se acha diferente da família, apesar de ser adotada e saber de tal condição, espera ansiosa pela transformação, que está demorando pra acontecer. Ela tem sonhos com um homem misterioso que, ao longo da narrativa, descobrimos quem é...e ele, o tal misterioso é nada menos do que o vampiro Milosh, o consorte da vampira mais poderosa e a rainha dos vampiros, Elizabeth que está desaparecida a quase 100 anos.

O tempo está acabando e se não a encontrarem quando atingir os 100 anos de desaparecimento, o conselho vai eleger outro para o lugar de Elizabeth, e claro, não é um cara bonzinho!!!

E no meio disso tudo, conhecemos Tomás, um lobisomem apaixonado pela então Híbrida Ellene...um romance não poderia faltar certo??? Errado!!! Um só não....mas gente pra descobrir mais, leiam o livro! Garanto que não irão se arrepender! 

“Você sabe como sou diferente de vocês. 
Como estou longe de me tornar um... Lobo... Como vocês.....
... Talvez meu metabolismo também seja lento para o amor... "

Lá pelas tantas a menina cansa de não saber quem é, e vai em busca de respostas. Ela quer saber porque sonha com o tal cara, afinal para uma adolescente, sonhar com um cara lindo não é suficiente não é mesmo??? Ela precisa entender porque é tão diferente de sua família, porque sua transformação está tão atrasada...o problema é que quem procura acha! E assim ela foi parar adivinhem onde??? bem no meio dos vampiros, que ela tanto teme e odeia!

"- Eca, não bebo sangue! 
- Fez uma careta e, em seguida, se desculpou 
– Não que eu condene quem o faz... ou melhor, condeno... enfim... não bebo sangue."

A História se passa em São Paulo e a autora fez questão de mostrar isso sempre que possível, o que eu achei muito, muito legal!!! Além disso, ela criou um universo bem fundamentado, com política, regras e leis próprias. Nada ficou "voando" ou sem respostas. Os personagens foram super bem construídos, a narrativa é fluída, gostosa, a escrita da autora é super envolvente. 

E os erros que eu sempre acho??? pois é gente, não encontrei erros de português, concordância, escrita...nada!

Mas como nem tudo é perfeito no maravilhoso mundo da Mari Scotti, preciso dizer que só não terminei a leitura e mandei um enorme texto recheado de fúria e ódio, porque é impossível brigar com ela e porque eu não tenho tais sentimentos! Mas eu fiquei....fiquei....nem sei o que eu fiquei gente com o final do livro!!!!

Não deixou um gostinho de quero mais, deixou um gosto enorme de: Por favor termina o próximo livro de uma vez!!!!  

E Ela terminou.....

E eu já comecei.....

Ahhhhh.......O Guardião!!!!


3 comentários

  1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk amei a sua resenha, principalmente o final (diferente de você com o meu final!) e estou muito feliz que você gostou do livro. Obrigada pelo carinho e por ressaltar que Híbrida não é Crepúsculo.
    Um super beijo, Mari Scotti

    ResponderExcluir
  2. Oi Denise!

    Quedinha pelo Edward é bondade da sua parte, acho que ela tem é um barranco mesmo. Eu também gostei muito do livro e me surpreendi bastante com a história e com a escrita dela (parece que a Mari é melhor amiga das palavras de tão boa que é com elas). Espero gostar de Guardião também!

    Beijo!
    http://www.roendolivros.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi Denise!
    Adorei seu jeito de resenhar, muito divertido e descontraído! Sempre vejo muita gente comentando sobre este livro, também pensava que seria mais um Crepúsculo e gostei de saber que é muito mais que isso. Fiquei com vontade de ler também. :)
    beijos ♥
    nuclear--story.blogspot.com

    ResponderExcluir