A Lâmina da Assassina - Toda lenda tem um começo - Trono de Vidro, 0.5 - Sarah J. Maas

16 de abril de 2019

Título: A Lâmina da Assassina - Toda lenda tem um começo - Trono de Vidro, 0.5
Autor: Sarah J. Maas
Páginas: 406
Ano: 2015
Editora: Galera Record
Gênero: Fantasia, Romance
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota: 
Sinopse: Conheça o caminho da assassina. Pavimentado com sangue, lágrimas e suor. Implacável, sedutora, letal. Poucos conhecem seu rosto, menos ainda sobrevivem à sua fúria. Não à toa Celaena Sardothian é sinônimo de morte. Suas lâminas são certeiras, assim como seu estranho código de honra e seu aguçado senso de justiça. Mas como uma menina, encontrada agonizando pelo rei dos Assassinos de Adarlan, se tornaria a campeã do rei? Disputada pelo capitão da guarda real e o próprio príncipe herdeiro? No centro de intrigas políticas?

Acompanhe Celaena vencer um lorde pirata e toda sua tripulação; o encontro como uma curandeira; seu treinamento com o Mestre Mudo, senhor dos assassinos silenciosos, nas dunas do deserto Vermelho; a prisão nas Minas de Sal de Endovier; ou, ainda, sua luta contra o mais escorregadio e traiçoeiro dos adversários — o próprio coração.

Para ler as resenhas dessa série, clica nas imagens abaixo:



Resenha: Enrolei pra caramba para ler esse livro, já meio que sabia o que eu ia encontrar, então, protelei o que deu.

Até porque a maioria das passagens e dos personagens só conhecemos mesmo a partir do Livro Império de Tempestades. Pelo que vi, esse livro seria para ler entre o primeiro e o segundo originalmente. Mas acabei lendo ele agora, depois de todos os livros lidos e antes do último. Pois na minha opinião, li na hora mais perfeita porque antes não entenderia quem eram os personagens e nem lembraria deles, agora, entendi cada um e percebi para que cada um veio!

Encontramos cinco contos no livro, aí entendi porque um livro que eu achava que era só de contos, tem tantas páginas.

Vou contar um pouquinho de cada conto, e se você já leu até Torre do Alvorecer, vai reconhecer os personagens e as situações pois tudo o que vemos aqui, já foi mencionado antes. Agora, teremos as explicações.

A Assassina e o Lorde Pirata

Celaena e Sam são assassinos de Arobynn. Ela, a melhor assassina, ele o segundo melhor, por conta disso existe uma rivalidade declarada entre eles.

Ela está então com 16 anos e já é uma famosa assassina. Arobynn manda a garota e Sam à Baía da Caveira, para tratar de negócios com o Lorde Pirata de Erilea, Rolfe. Os dois não se suportam, mas para resumir tudo, chegando lá eles descobrem que foram enviados para comercializar escravos para Arobynn. Além dos cem deles, há mais cem que serão comercializados. Então os dois se juntam para libertar os escravos e de brinde, destruir a Baía toda e os barcos do Pirata.

Trabalhando juntos, por um objetivo comum, eles começam a ver suas barreiras de ódio e rivalidade, caindo.

" - Talvez se não tivesse lido a noite toda, não estaria tão exausta - disparou o jovem sentado diante dela."

A Assassina e a Curandeira

Como castigo pelo prejuízo que Celaena deu a Arobynn, ele a manda para o deserto, para treinar. No caminho, pára em uma estalagem e lá conhece Yrene. Uma curandeira que tenta chegar à Torre Cesme, a fim de aprimorar seus conhecimentos, ela acabou "encalhando" ali, por não ter mais dinheiro para viajar. Celaena a ajuda, sem saber o quanto a curandeira será importante do futuro.

"A beleza era uma arma - que Celaena mantinha afiada - ,mas também podia ser uma vulnerabilidade."

A Assassina e o Deserto

Depois de uma jornada difícil, a garota chega ao Deserto Vermelho. Deverá treinar com os Assassinos Silenciosos para aprender "Obediência e disciplina", segundo Arobynn, e só poderá voltar para casa se, em um mês, receber o reconhecimento do próprio Mestre Mudo.

Lá ela conhece Ansel e aí descobrimos como se tornaram amigas e porque Celaena tentou matar a garota. Outra que aparece para ajudar a assassina, quando já é Aelin.

A Assassina e o Submundo

Ao voltar para casa, Celaena começa a questionar, ainda que não querendo ver o quão ruim é, Arobynn. Junto, vai se envolvendo cada vez mais com Sam. Vemos seu amor nascer e crescer. Descobrimos porque Arobynn não fez com que ela voltasse a trabalhar para ele depois de sair das minas de sal. Meio que entendemos um pouco a competição que há entre Lysandra e a assassina e acompanhamos a mudança dela em relação aos seus sentimentos.

"No silêncio do quarto, fez um juramento de que se ele fosse ferido, nenhuma força no mundo a impediria de massacrar todos os responsáveis."

A Assassina e o Império

Agora vamos ver realmente o que aconteceu. Como ela foi parar nas minas de sal. Quem a traiu. Apesar de, se você já leu os livros anteriores, saber a resposta, e como foi a morte de Sam. Foi realmente bem triste ver tudo o que aconteceu com ela, porque a alternativa, para ela, naquele momento, era muito...muito boa. Se não tivesse sido traída.
Por outro lado, sem a traição, ficaríamos apenas com Celaena e jamais Aelin...

"- Porque fez isso?
A atenção de Arobynn se voltou para o veículo, já um pontinho nas colinas ondulantes acima de Forte da fenda.
- Porque não gosto de compartilhar o que me pertence."

Então, se gostei? Mas claro que sim. E foi uma bela surpresa já que eu não esperava me ver tão submersa em cada conto, em cada explicação. Ajuda a compreender um pouco mais a Aelin dos livros adiante!

9 comentários

  1. Os cinco contos parecem ser muito interessantes e ajudam a compreender melhor os personagens. Ainda não comecei a série mas a cada resenha absorvo um pouco mais da empolgação dos leitores e espero lê-la e amar também em algum momento próximo :D

    ResponderExcluir
  2. É legal quando fazem uns contos pra mostrar alguns detalhes que a série pode ter perdido, mais de personagens e que ajude a entender as coisas. Parece que esses fazem isso bem. É mais um que gostaria de ler quando for pegar essa série. Parece bem legal ^^

    ResponderExcluir
  3. Eu adorei que Sarah tenha feto esses contos. Sempre estive curiosa para saber sobre como Aelin se meteu em tantas confusões e come eu todo mundo.
    Minha próxima leitura 💙

    ResponderExcluir
  4. Denise!
    Esse veio com um formato diferente, através de contos, mas não menos importante para o esclarecimento de alguns pontos da história e isso é um ponto positivo, sem contar com essa capa belíssima, não é?
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  5. Esse é mais um livro que tenho que ler. Só não sabia que ele era em formato de contos. Que bom que ele mostra algumas coisas a mais.
    Gostei muito do primeiro livro da série mas dei um tempo. Agora vou recomeçar e ler todos os livros.

    ResponderExcluir
  6. Olá! Mas gente, essa série não para de me surpreender, eu achando que a lista de livros que tenho por ler já estava grande, parece que a tendência é só crescer hein, e o pior é que a gente gosta, quanto mais histórias para nós melhor, afinal amamos saber, conhecer e entender um pouco mais dos nossos personagens queridinhos e já o que o livro só vem a somar, será muito bem-vindo a lista (risos).

    ResponderExcluir
  7. Olá Denise!
    Confesso que depois de Rainha das sombras demorei um tempo para começar Tomo 1 e me senti perdida por não me lembrar se já conhecia Rolfe e os demais personagens que aparecem em Lâmina da assassina e depois retornam em Império de tempestades. Acho crucial ler os livros na ordem para não perder nenhum detalhe mas como os títulos da série são bem caros não pude ler esse. Imagino tanto como foi o relacionamento de Celena e Sam! Sua resenha me deixou mais curiosa.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Se essa série já não me agrada imagine um livro de contos, que não gosto.
    Infelizmente trono de vidro não faz parte da minha lista de amores literarios, então não pretendo ler, e nem tenho muito o que falar, só que não me identifico nem me interesso por seus livros.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  9. Oi, Denise
    Mesmo sem ler, estou cada vez mais envolvida e apaixonada pela série.
    Vou deixar anotada a dica para ler ese livro antes do último.
    Adorei os contos parecem bem interessantes, gostei sobre o que tem a curandeira.
    Beijos

    ResponderExcluir