Sombras Prateadas - Richelle Mead

Título: Sombras Prateadas - Bloodlines, 5
Autor: Richelle Mead
Páginas: 368
Ano: 2015
Editora: Seguinte
Gênero: Romance, Sobrenatural
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota: 
Sinopse:
Sydney Sage arriscou tudo. Ainda infiltrada na organização, trabalhava contra os alquimistas e vivia um romance secreto com o vampiro Adrian Ivashkov. Qualquer deslize poderia trazer tudo por água abaixo, e foi exatamente o que aconteceu: sua própria irmã descobriu seu relacionamento proibido e a denunciou, fazendo com que Sydney fosse capturada pelos seus pares e mandada para a terrível reeducação. Cercada de inimigos e sem saber onde estava ou como sairia dali, Sydney luta para manter sua identidade, sua capacidade de pensar por si mesma e, principalmente, a esperança de que encontrará Adrian novamente.
Leia a resenha dos livros anteriores aqui.

Resenha: Preciso começar dizendo que, a essa altura da leitura, é praticamente impossível não soltar spoliers. Eu tento, tento muito, mas se eu falar alguma coisa que você não sabia, perdão, mas não tem como evitar né...

Então vamos lá, se você leu a minha resenha o livro anterior, viu que eu falei que o final foi destruidor né! Pois é, e foi, tudo porque aquela pirralha malvada e mimada da Zoe, irmã da Sydney, a traiu e entregou a outra para o seu pai. Ele armou uma emboscada para a filha, com a ajuda de Zoe que eu nunca imaginaria que um pai fosse capaz de fazer.

Então Sydney é capturada, quando estava indo à um encontro com Adrian e Marcus, ela desconfiou e chamou Eddie para ir junto, mas ao ver que os Alquimistas estavam dispostos a matar Eddie para capturá-la, ela se entrega, para salvar o amigo. E o livro acabou...assim...deixando Eddie culpado, Adrian desesperado e os leitores frustrados!

Então começamos Sombras Prateadas, um tempo se passou. Um ou dois meses e não há notícias de Sydney. Adrian, que estava tomando antidepressivos para bloquear o Espírito, os abandona pensando que, em sonho, poderá encontrar Sydney, mas nada acontece e ele não entende porque. Aí todos os elogios que eu fiz ao rapaz no livro anterior, caem por terra. Depois de um tempo, ele se entrega as festas e à bebida, à mim, se mostrou um fraco, que na primeira dificuldade se atirou na vida. Que bom que não durou muito e quando ele finalmente consegue achar a menina em sonho, cerca de três meses depois, se empenha muito para libertá-la.

Enquanto isso, Sydney está presa numa base dos Alquimistas, no subsolo, sem ver a luz do dia e sem sequer imaginar onde está. É torturada física e psicologicamente, tudo para admitir que os vampiros e dampiros são maus e voltar a odiá-los.

A maior parte do livro é com os dramas de Adrian e as torturas de Sydney. Ela faz amizade com outros detentos e, como não consegue não se meter em confusão, começa a ajudá-los. Enquanto isso Adrian e seus amigos traçam planos de fuga para ela. Aí, quando ela finalmente se vê livre, a ação começa, que correria...parece que os Alquimistas estão em toda a parte. Até que Adrian tem uma ideia tão fofa que toda a minha implicância com ele acabou! Mas, claro, não vou contar, só lá no último livro, que pretendo ler em breve porque, no final desse, uma coisa muito ruim aconteceu com um deles e parece que só vai ser resolvido mesmo no último livro!

Continuo com as 5 estrelas do livro anterior, na minha opinião, as aventuras melhoraram muito e eu gostei demais do romance lindo entre Adrian e Sydney, sem contar que revemos alguns casais lá de Academia de Vampiros e eu amei isso. Apesar de Zoe, a irmã traidora só ter aparecido um pouquinho, ainda quero esganá-la. Espero que ela não fique impune ao que fez a irmã. Ela e o pai malvado delas!

Recomendo muito a leitura e não vejo a hora de finalizar essa série!

11 comentários

  1. Oi Denise!
    Adorei conhecer o livro, vou dar uma olhadinha nas resenhas anteriores...
    O enredo me agradou bastante e me fez ficar curiosa pra conhecer Adrian e Sydney e claro os outros personagens dos volumes anteriores pq eu amo o gênero...
    Bjs!

    ResponderExcluir
  2. Namoro esta série desde que foi lançada e a cada nova resenha, eu ainda me pergunto os motivos de não ter começado ela antes.
    Essas misturas de aventura, descobertas e personagens que conseguem ser eles mesmos, sempre me agradou muito. E se tiver essa pitadinha de romance, melhor ainda!
    Espero poder iniciar a série o quanto antes e não ficar tão perdida com os nomes dos personagens..rs
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Tá aí mais um da série que devorei. E teve muita coisa nova. A trama da Sydney e as coisas que ela passa naquele lugar me davam um aperto no coração e um desespero pra ela conseguir fugir que eu só comia páginas ao ler. Adrian teve suas recaídas e foi triste ver que não conseguiu progredir tanto assim, mas até dá pra entender vai...o menino devia estar bem desesperado.

    Gostei muito das coisas novas que deu pra aprender com esse livro, o troço todo dos alquimistas e tal e esperar o final e tudo que tinha pra resolver ali foi agonizante, mas vale a pena. O último tá bem legal.

    ResponderExcluir
  4. Olá! Ainda bem que as coisas começam a ser acertar, por assim dizer, neste livro, deve dá uma raiva danada mesmo do Adrian, menos mal que ele se redime.

    ResponderExcluir
  5. Oi Denise.
    Eu adorei sua resenha, ja li a série academia de vampiros e entendo quando diz que esse foi o melhor livro, afinal o romance faz toda a diferença, uma pena que ele está tendo que controlar p espírito, mas é necessário né, eu também odeio ter que esperar pelos lançamentos, isso é horrível.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Denise!
    Na minha opinião as séries de vampiros da Richelle Mead são as melhores, mais bem escritas e com protagonistas (mesmo que alguns abomináveis) mais bem perfilados em livros de vampiros.
    Simplesmente adoro!
    Desejo um ótimo final de semana!
    “A poesia contém quase tudo que você precisa saber da vida.” (Josephine Hart)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA novembro 3 livros, 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Estou ficando curiosa, ansiosa pelo final dessa trama, a história cada vez fica bem intrigante e envolvente. Gostei muito da resenha e estou já colocando na lista de compras.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  8. Eu não acredito que a nojenta da irmã da Sydney a denunciou! Assim como você também quero esganá-la, e olha que ainda nem a conheço! Espero que ela e o pai tenham um final merecido.
    Ficarei aguardado sua resenha do próximo livro.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  9. Essa serie nunca me despertou muito interesse. Sempre que eu via uma a acabava desanimando mas adorei essa sua. Mas tenho medo de começar a leitura e ver que não valia a pena

    ResponderExcluir
  10. Não li nenhum livro da autora, muito menos esta série, que apesar de sempre ler muitos elogios a respeito da obra, por ser uma série com tantos livros confesso que me deixa desanimada em relação a leitura. No entanto lendo suas resenha, e notório o quanto a trama e envolvente e nos cativa, além dos relacionamentos amorosos entre os personagens. Talvez quem sabe se eu tiver a chance não acabo dando uma oportunidade a obra.

    VENHAM PARTICIPAR SORTEIO NO AR: petalasdeliberdade.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi Denise!
    Acompanhando suas resenhas eu até fico tentada a ler essa história, apesar de achar que é um conteúdo enorme e ficarei meio perdida, acredito que no último livro tudo se encaixará! Sydney é quem eu mais quero conhecer ... Sempre tem uma personagem que queremos matar não é?
    Bjs 😘

    ResponderExcluir